Operário tem retorno de três atletas, mas fica sem Danilo

Lateral tomou o terceiro cartão amarelo; Mendes, Chicão e Salino voltam

Operário tem retorno de três atletas, mas fica sem Danilo

Danilo Baia (esq.) tomou o terceiro cartão amarelo contra o Atlético-PR e vira desfalque - Foto: Josué Teixeira

O técnico Itamar Schulle desfruta de mais opções para escalar o Operário Ferroviário Esporte Clube (OFEC) diante do Cascavel do que teve contra o Atlético-PR. O treinador conta com a volta de três jogadores suspensos.


O zagueiro Douglas Mendes e os volantes Chicão e Léo Salino estão à disposição do comandante alvinegro. No entanto, antes titulares, não é certo o retorno deles para o time principal do Operário no jogo contra a serpente.


Após a vitória sobre o Furacão, os substitutos foram elogiados por Schulle, o que amplia a concorrência por uma vaga. A tendência é que Douglas Mendes e Chicão sejam reconduzidos à função, já Léo Salino fique no banco como opção.


Desfalque certo é o lateral direito Danilo Baia. O jogador, que já acumula três assistências para gols pelo Operário, levou o terceiro cartão amarelo e está suspenso. A ausência de Baia foi alvo de críticas por parte do treinador do Fantasma.


Veja também:

Galeria de Fotos: Relembre a vitória do Operário sobre o Atlético-PR


“Dentro do esquema tático, ele atuou de forma perfeita. Porém, não podia tomar esse cartão bobo”, criticou Schulle, em entrevista após o jogo contra o Atlético-PR. O técnico também não contará com o volante Jhonathan Silva, liberado por problemas pessoais.
Compartilhe essa notícia com seus amigos!