Schulle fará cinco mudanças no Operário para encarar o Paraná

Treinador mantém mistério sobre formação do meio e ataque

Schulle fará cinco mudanças no Operário para encarar o Paraná

Schulle confirma Chicão e Jhonathan Silva como volantes no Operário - Foto: Josué Teixeira

PublicidadeNEC

O técnico Itamar Schulle vai realizar, ao menos, cinco mudanças no time do Operário Ferroviário Esporte Clube (OFEC) para o jogo contra o Paraná. As modificações atingem quase todos os setores da equipe, desde a zaga até o ataque.


Na lateral direita, Danilo Baia retorna após cumprir suspensão automática. Já na lateral esquerda, Nequinha deve assumir a condição de titular após vagar pelo campo diante do Cascavel atrás do meia-atacante Everson.


Na zaga, Sosa retorna para jogar ao lado de Douglas Mendes. No meio de campo, o volante Jhonathan Silva fará dupla com o capitão Chicão. A outra novidade deve ficar na armação da jogadas e/ou no ataque.


No treino desta sexta-feira (20), Schulle testou Andrenzinho ao lado de Mateus Lima e Juba. Em outra parte, Joelson entrou no lugar de Andrezinho. O trio ofensivo pode se tornar dupla, caso Pedrinho ganhe uma oportunidade no meio.


Além disso, Mateus Lima não deve começar como titular. “Nós precisamos treinar estas variações para quando o jogador precisar entrar ele já saber como os companheiros atuam”, explica Schulle. A princípio, Douglas continua no comando do ataque. 


Leia também:

Cinco pontos mantêm venda de ingressos promocionais


Dessa forma, a quinta mudança - após Sosa, Baia, Nequinha e Jhonathan - ainda segue sem definição, com a vaga sendo disputada por Pedrinho, Joelson e Andrezinho. “Não vamos mudar muito nossa forma de jogar”, despistar Schulle.

Compartilhe essa notícia com seus amigos!