Operário recebe o Rio Branco para retomar confiança para Série D

Fantasma quer reencontrar o caminho das vitórias e garantir lugar no G4

Operário recebe o Rio Branco para retomar confiança para Série D

Douglas controla bola em treino do Operário; atacante possui 4 gols no Estadual - Foto: Josué Teixeiea

PublicidadeNEC

O Operário Ferroviário Esporte Clube (OFEC) está classificado para a segunda fase do Paranaense, mas joga neste domingo (29) sob pressão. Sem vencer há dois jogos, o Fantasma enfrenta o Rio Branco, às 16h, no Germano Krüger, tentando reencontrar o caminho das boas atuações.


De quebra, a equipe luta pela permanência no G4, obtendo a vantagem de mando nas quartas de final. Para cumprir a missão, os alvinegros, que ocupam o 3º lugar com 17 pontos, precisam de uma vitória simples e torcem para que Paraná e Maringá não vençam seus jogos por larga vantagem de gols.


Ciente dos objetivos, o elenco do Operário viveu uma semana atípica. Após a derrota de 3 a 1 diante do Paraná, dirigentes, integrantes da comissão técnica e jogadores participaram de uma reunião de quase três horas em Vila Oficinas. O encontro ficou marcado por intensas cobranças.


Em campo, Itamar Schülle sinaliza mudanças. Julinho, Lucas e Pedrinho devem ser as novidades da equipe. Eles ocupam as vagas de Nequinha, Jhonathan Silva e Andrezinho, respectivamente. No miolo defensivo, Douglas Mendes e Micael disputam um lugar entre os titulares.


Do outro lado, o Rio Branco aparece na 10ª posição do Paranaense com dez pontos e ainda sonha com a classificação. O Leão da Estradinha precisa triunfar em Ponta Grossa e fica na torcida por tropeços de Cascavel, contra o Foz do Iguaçu, e Atlético-PR, que visita o Londrina.


“Sabemos que o Rio Branco possui uma equipe muito veloz e que terá aqui a última chance no campeonato. Mas nós jogamos com a obrigação de voltar a vencer”, resume o meia Ruy. A partida desta tarde tem ingressos promocionais a R$ 40,00 (R$ 20,00 meia-entrada).  


Ficha Técnica:


Operário: Jhonatan; Danilo Baia, Douglas Mendes (Micael), Sosa e Julinho; Chicão, Lucas, Pedrinho e Ruy; Juba e Douglas. Técnico: Itamar Schülle

Rio Branco: Carlos Luna; Jean, Darlan, Pedrão e Marco Túlio; Junior Goiano, Alex, Oberdan e Roger Guerreiro; Marquinhos e Bruno Andrade. Técnico: Edson Neguinho


Arbitragem: Leonardo Sigari Zanon

Assistentes: Jefferson Cleiton Piva da Silva e Éverson de Souza

Data/Horário/Local: 29/03/15, às 16h, no Estádio Germano Krüger.

Compartilhe essa notícia com seus amigos!
PublicidadeNEC