Itamar Schülle concentra esforços na 'missão final' do Fantasma

Treinador cita Série D como último objetivo do Operário no Estadual

Itamar Schülle concentra esforços na 'missão final' do Fantasma

Itamar vê vitória sobre o Paraná como primordial para cumprir a última meta do Operário - Foto: Josué Teixeira

PublicidadeNEC

Após passar pelo Rio Branco e reencontrar o caminho das vitórias, o Operário Ferroviário Esporte Clube (OFEC) entra em ritmo de 'tudo ou nada' no Paranaense. O duelo com o Paraná, pelas quartas de final, representa mais do que uma classificação entre os quatro melhores; significa cumprir o principal objetivo do clube na temporada.

Segundo o técnico Itamar Schülle, o Fantasma entrou em 2015 com três missões. Duas delas já foram cumpridas. "O primeiro objetivo era não entrar no Torneio da Morte e classificar entre os oito; o segundo era garantir um lugar entre os quatro primeiros e obter vantagem de mando na próxima fase. Nós conquistamos os dois", citou.

A meta final, que pode ser atingida com uma classificação para as semifinais, é chegar à Série D do Campeonato Brasileiro. "É para isso que todos nós fomos contratados. É o objetivo que falta neste ano. Os profissionais que trabalham aqui e os torcedores merecem esta tão almejada vaga", frisou Itamar.

O Operário até pode chegar ao torneio nacional caso seja eliminado pelo Paraná, mas dependerá de uma combinação de resultados. Ao mesmo tempo, o clube será obrigado a conquistar uma vaga na decisão do Paranaense caso J.Malucelli ou Foz, Maringá e Cascavel alcancem as semifinais.
Compartilhe essa notícia com seus amigos!
PublicidadeNEC