Colunas

O diferencial do Operário

Por Felipe Gustavo em 16/07/2019 10:20:13

O diferencial do Operário

Se eu te perguntasse qual jogador do Operário Ferroviário tem mais participações diretas em jogadas de gol na temporada 2019, você saberia responder? Certamente olharia para os atacantes ou para aqueles atletas que somam o maior número de partidas no ano. Mas não! Com a assistência na vitória de 2 a 0 sobre o Londrina, o meia Cleyton - com quatro participações - se isolou na liderança neste quesito.

O que impressiona neste caso é que o atual 'camisa 11' do Fantasma passou grande parte da temporada lesionado. No início do ano foi o joelho. Antes da Série B foi a vez do tornozelo. Mesmo com apenas nove partidas oficiais disputadas, Cleyton permanece como protagonista e peça essencial na articulação.

Nestes números ainda vale ressaltar que o meia atuou por 90 minutos apenas quatro vezes em 2019. Apesar de poucas oportunidades, o jogador consegue ostentar três assistências e um gol neste ano, somando quatro participações diretas nos gols alvinegros. Na campanha vitoriosa da Série C, Cleyton foi o atleta alvinegro com mais assistências: oito no total.

Atuando agora mais próximo do lado direito, onde o Operário conta com Maílton (veja a coluna de Emmanuel Fornazari), a tendência é que o camisa 11 siga construindo jogadas decisivas e sendo um dos diferenciais ofensivos da equipe na Série B do Campeonato Brasileiro.

VALE DESTACAR

Como nada no futebol se constrói sozinho, podemos salientar outros dois nomes do Fantasma. Felipe Augusto já soma três gols na Série B em nove jogos. Se os centroavantes não estiveram tão inspirados até aqui, coube ao segundo atacante alvinegro aparecer no meio da área e finalizar com eficiência. No ano passado, nenhum atacante do Operário fez mais do que três gols em toda a Série C, por exemplo.

Jardel é outro que merece destaque. Na primeira chance como titular na Série B ele deu um belo cartão de visitas. Como bom volante, o camisa 5 antecipou o adversário e deu o passe para Marcelo marcar o segundo gol diante do Londrina.

https://www.netesporteclube.com.br/coluna/208/o-diferencial-do-operario" data-text="O diferencial do Operário">
Felipe Gustavo

FELIPE GUSTAVO

Jornalista formado pela UEPG em 2012, foi repórter de Esportes do Jornal da Manhã e setorista do Operário pelas rádios CBN e Difusora. Trabalhou no projeto Futsal Daqui, além de ter sido jornalista na Rádio MZ FM. Trabalha como assistente de produção na Rede Massa. É editor e comentarista no Net Esporte Clube.