Em três jogos, atacantes do OFEC já estão próximos dos números de 2019

Em três jogos, atacantes do OFEC já estão próximos dos números de 2019

Jefinho (alto) estreou com assistência; D. Coutinho soma dois gols no Estadual - Foto: João Vitor Rezende

PublicidadeNEC

Bastaram somente três jogos do Campeonato Paranaense 2020 para que o novo ataque do Operário chegasse próximo dos números do ano passado. É isso mesmo. Na primeira semana de competição, os dois gols de Douglas Coutinho contra o Rio Branco e o tento marcado por Schumacher diante do Cascavel CR representam metade dos gols anotados pelos atacantes no Estadual 2019.

Há uma temporada, os homens de frente do Fantasma balançaram as redes apenas seis vezes em 12 jogos disputados. Foram dois de Lucas Batatinha, dois de Jean Carlo, um de Schumacher, um de Eduardo... e só!

Apesar de apostar num grupo mais enxuto para 2020, o Operário tem mais opções para a frente neste ano. São oito jogadores de ataque à disposição de Gerson Gusmão. Entre eles nomes mais expressivos e de boa qualidade técnica como Douglas Coutinho e Bustamante - que sequer estreou.

Em 2019, o Operário atuou no Estadual com somente seis opções ofensivas. A única novidade para o setor naquela época foi a contratação de Eduardo. Vale frisar aqui que uma boa peça era Dione, mas a ficha técnica o considerava como 'meia'.

A mudança de perfil nas contratações de um ano para o outro atesta que havia uma insatisfação com o rendimento ofensivo do time. E os primeiros números mostram que esse panorama pode melhorar para a nova temporada. Há boas perspectivas em termos de ataque para o Fantasma.

Compartilhe essa notícia com seus amigos!
Felipe Gustavo

Felipe Gustavo

Jornalista formado pela UEPG em 2012, foi repórter de Esportes do Jornal da Manhã e setorista do Operário pelas rádios CBN e Difusora. Trabalhou no projeto Futsal Daqui, além de ter sido jornalista na Rádio MZ FM. Trabalha na produção de conteúdo da Rede Massa. É editor e comentarista no Net Esporte Clube.