Operário entra em disputa com o Guarani para ter o meia Clayton na 'B'

Operário entra em disputa com o Guarani para ter o meia Clayton na 'B'

Clayton anotou 14 gols pelo Botafogo da Paraíba no ano passado - Foto: Nádya Araújo/Botafogo-PB

O Operário Ferroviário está atrás de mais um meia para a disputa da Série B do Campeonato Brasileiro. A bola da vez em Vila Oficinas é Clayton, de 28 anos. O jogador está no radar alvinegro desde o início da temporada e pode fechar com o Fantasma nos próximos dias. Porém, o Guarani - rival do clube na Série B - também demonstrava interesse na contratação do atleta.

Na semana passada, o Globoesporte.com divulgou que o Bugre de Campinas tinha empréstimo bem encaminhado com o meia - que disputou o Campeonato Paulista pela Ferroviária.

Mas o Net Esporte Clube apurou nesta segunda-feira (17) que o acordo com o Guarani ainda não foi fechado oficialmente e que o Operário entrou no negócio pelo jogador.

Inclusive foi possível descobrir que o nome de Clayton era um desejo do Fantasma para o início do ano - no decorrer do Campeonato Paranaense.

Assim, o movimento de mercado da direção alvinegra seria o mesmo que ocorreu com Pedro Ken, que também era cotado como contratação no começo da temporada, não fechou para o Estadual, mas concretizou acordo para a Série B.

Clayton se destacou no ano passado pelo Botafogo-PB, quando disputou 42 jogos e marcou 14 gols. Naquela oportunidade, o auxiliar do Botafogo era Thiago Carpini - atual comandante do Guarani na Série B. Daí vem o interesse do Bugre na contratação.

O jogador pode atuar centralizado na meia-cancha ou também aberto pelos lados. Foi nas duas funções que se destacou no futebol da Paraíba. Ele também tem passagens por Novo Hamburgo, Juventude, Caxias, São José-RS, Sport, Criciúma e Ypiranga-RS.

Atualmente, Clayton pertence ao São Caetano. O 'Azulão' emprestou o meia para a Ferroviária no Campeonato Paulista. Porém, essas transações possuem uma explicação. O empresário do meia, Saul Klein, é investidor do São Caetano e comprou recentemente a Ferroviária, o que explica as mudanças de clube. Klein é herdeiro das Casas Bahia - uma das lojas mais conhecidas do país.

Compartilhe essa notícia com seus amigos!
Felipe Gustavo

Felipe Gustavo

Jornalista formado pela UEPG em 2012, foi repórter de Esportes do Jornal da Manhã e setorista do Operário pelas rádios CBN e Difusora. Trabalhou no projeto Futsal Daqui, além de ter sido jornalista na Rádio MZ FM. Trabalha na produção de conteúdo da Rede Massa. É editor e comentarista no Net Esporte Clube.

Assine o Clube NEC!

Colabore para manter a nossa cobertura de jornalismo independente sobre o esporte de Ponta Grossa (PR). Você tem opção de ajudar com uma pequena quantia todo mês no crédido recorrente ou, então, um valor para o plano semestral com desconto e opção de parcelamento ou boleto bancário em cota única!