PublicidadeNEC

PGF Feminino se prepara para 'grupo da morte' nos Abertos

Campeãs de 2017 querem manter boa campanha

Por: Redação NEC em 12/09/2018 02:53:39 atualizado em 18/11/2018 20:57:56

PGF Feminino se prepara para 'grupo da morte' nos Abertos
Equipe organiza treinos pensando na dificuldade dos Jogos Abertos - Foto: Raylane Martins

Considerados os times de maior rendimento no futsal paranaense feminino, Cianorte e Telêmaco Borba serão os adversários de Ponta Grossa na fase de grupos dos Jogos Abertos do Paraná (JAP's). O PGF/Secal tem menos de duas semanas para a preparação, que precisará ser, além de física e técnica, psicológica.

“O primeiro passo é o pensamento positivo e buscar se manter na Divisão A. Será extremamente difícil a chave, mas já fizemos bons jogos contra elas e, em cada um, buscamos a evolução”, comenta a jogadora do PGF, Ana Paula Rochinski, a Aninha.

Em 2017, as ponta-grossenses foram campeãs da Divisão A. E a partir do dia 21 deste mês entram em quadra para defender o título. Enquanto isso, o Campeonato Paranaense fica parado e retorna somente em 21 de outubro. O técnico China Malaquias, que encerrou os trabalhos na equipe profissional masculina, pode se dedicar mais ao futsal feminino.

“Estamos buscando melhorar o nosso condicionamento físico por meio de treinos específicos para cada atleta. Tudo na medida do possível, pois as nossas jogadoras têm outras atividades profissionais fora das quadras, o que desgasta bastante o preparo físico”, ressalta Aninha.

'Se nos fecharmos e focarmos em um objetivo, acredito que podemos fazer bons resultados. Vamos fazer jogos-treino também para não perdermos o ritmo. Confiamos no trabalho do professor China, que agora, mais do que nunca, está focado no feminino”, finaliza a atleta.

https://www.netesporteclube.com.br/artigo/Futsal/6722/pgf-feminino-se-prepara-para-grupo-da-morte-nos-Abertos" data-text="PGF Feminino se prepara para 'grupo da morte' nos Abertos">
PublicidadeNEC