Com mudança em quase meio time, Operário encara o Figueira na estreia

Equipes iniciam jornada na Série B precisando dar resposta a torcedores

Com mudança em quase meio time, Operário encara o Figueira na estreia

Coutinho é uma das opções do Fantasma para o setor ofensivo - Foto: José Tramontin/Operário

O Operário Ferroviário estreia neste sábado (8) pelo Campeonato Brasileiro da Série B. O Fantasma enfrenta o Figueirense, às 16h, no Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa. A partida será realizada sem a presença de torcedores por conta da pandemia do novo coronavírus.

As duas equipes passaram por frustrações semelhantes no mês passado com o retorno dos campeonatos estaduais. O Figueirense, depois de vencer o jogo de ida, foi eliminado dentro de casa pelo Juventus nas quartas de final do Catarinense. No estado vizinho, o Operário não fez valer o mando de campo e a vantagem contra o Cianorte. O time saiu do Paranaense também nas quartas de final.

Em compensação, para mudar o cenário, o Fantasma anunciou oito reforços para a competição nacional: o lateral direito Alex Silva, os zagueiros Ricardo Silva e Reniê, o volante Mazinho, os meias Marcelo, Pedro Ken e Thomaz e o meia-atacante Maranhão. Além destes, o atacante Jean Carlo, que estava emprestado ao São Luiz de Ijuí-RS, também retornou ao clube.

Outra novidade em Vila Oficinas foi a renovação com o atacante Douglas Coutinho, que agora pertence em definitivo ao clube. A direção alvinegra ainda aguarda para a próxima semana o desembarque do lateral esquerdo Fabiano, que disputou o Pernambucano pelo Santa Cruz.

Dos oito reforços, o técnico Gerson Gusmão confirmou quantos vão começar a partida deste sábado. "O torcedor pode esperar uma equipe diferente. Serão quatro estreias de jogadores que foram contratados. Outros estarão no banco de reservas. Mas quatro jogadores novos vão iniciar a partida", frisou Gersinho sem citar nomes.

A tendência é que as mudanças mais significativas estejam no meio - setor apontado como maior problema da equipe no início da temporada. Thomaz e Marcelo, que chegaram ao clube com ritmo de jogo, devem aparecer na escalação.

Por outro lado, o lateral Alex Silva é dúvida. Ele e Peixoto precisam de liberação do departamento médico para que possam ficar à disposição da comissão técnica.

ADVERSÁRIO

O Figueirense também está em um momento de pressão por resultados. Porém, o clube não apresentou alterações significativas no elenco entre as competições. Os destaques individuais ficam por conta do goleiro Sidão, do lateral direito Lucas, do volante Arouca e do meia Marquinho.

A equipe de Florianópolis está no Paraná desde quinta-feira (6). O último treino foi realizado no CT do Caju, em Curitiba. Logo depois a delegação chegou em Ponta Grossa.

ANO PASSADO

Em 2019, o Operário encerrou a competição nacional na 10ª posição, com 50 pontos (13 vitórias, 11 empates e 14 derrotas). “Estou muito feliz de poder disputar novamente uma Série B, que é uma competição muito pegada e com um nível técnico muito bom. Acredito que o Operário tem tudo para fazer uma grande Série B”, destaca o goleiro Rodrigo Viana.

Já o Figueirense terminou a temporada 2019 na 16ª colocação - uma acima da zona de rebaixamento. Foram 41 pontos somados (7 vitórias, 20 empates e 11 derrotas).

O Operário não perdeu para o time de Florianópolis no ano passado. O Fantasma venceu por 1 a 0 no Germano Krüger e empatou em 1 a 1 no Orlando Scarpelli.

TRANSMISSÃO

O torcedor pode ouvir a partida deste sábado (8) pela Rádio NEC. A narração é de Emmanuel Fornazari e os comentários são de Felipe Gustavo. A transmissão começa às 15h30 e estará disponível nas redes sociais: Facebook e YouTube.

FICHA TÉCNICA

Operário: Rodrigo Viana; Sávio, Rafael Bonfim, Sosa (Ricardo Silva) e Julinho; Mazinho (Jardel), Pedro Ken, Marcelo e Thomaz Santos; Douglas Coutinho e Jefinho. Técnico: Gerson Gusmão

Figueirense: Sidão; Lucas, Alemão, Pereira e Sanchez; Arouca, Elyeser (Paulo Ricardo), Everton (Patrick) e Marquinho (Guilherme); Diego Gonçalves e Pedro Lucas. Técnico: Márcio Coelho

Local/Data: Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa (PR) | 08/08/2020
Arbitragem: Adriano Barros Carneiro (CE), auxiliado por Anderson Moreira de Farias (CE) e Jaílson Albano da Silva (CE)

Compartilhe essa notícia com seus amigos!