No apagar das luzes, Operário arranca empate com o América em BH

Fantasma faz gol salvador com Julinho e segue invicto na Série B

No apagar das luzes, Operário arranca empate com o América em BH

Julinho - tirando bola de cabeça na defesa - foi mais uma vez o protagonista - Foto: Daniel Hott/América

O Operário Ferroviário permanece invicto na Série B do Campeonato Brasileiro. Mas a manutenção da campanha sem derrotas foi sofrida na noite desta sexta-feira (14), em Belo Horizonte. O Fantasma chegou ao empate de 1 a 1 com o América Mineiro no último lance do confronto disputado no Estádio Independência. O lateral esquerdo Julinho salvou o alvinegro.

Com o resultado, a equipe comandada pelo técnico Gerson Gusmão permanece provisoriamente no 'G4'. São cinco pontos somados em três rodadas.

Classificação Série B

1º TEMPO

Mesmo repetindo a escalação que iniciou a partida com o Náutico em Recife, o Operário não conseguiu mostrar o mesmo desempenho nos 45 minutos iniciais. Diante de um adversário mais móvel e que ocupava bem os espaços, o Fantasma pouco conseguia se aventurar no ataque e precisava apelar novamente para a ligação direta.

Do outro lado, o América invadia a grande área com certa tranquilidade. Tanto foi assim que abriu o placar logo aos dez minutos. Matheusinho encontrou o volante Juninho invadindo a área na diagonal. Ele passou pelo meio dos zagueiros e, mesmo sem ângulo, tocou por baixo das pernas de Rodrigo Viana.

Viana, inclusive, foi o jogador do Fantasma que mais apareceu na primeira etapa. Felipe Augusto e Rodolfo tiveram duas oportunidades cada. As quatro finalizações terminaram com intervenção do goleiro alvinegro.

A principal chegada dos visitantes foi pero dos 40 minutos, quando Thomaz cruzou na medida para Marcelo, mas o camisa 10 cabeceou nas mãos do estreante Matheus Cavichioli.

2º TEMPO

A volta do vestiário foi menos movimentada, mas teve importantes experiências para o técnico Gerson Gusmão. A principal delas foi o esquema com três zagueiros após a entrada do estreante Reniê. Mazinho deixou a equipe.

A formação permitiu laterais mais avançados e participando das jogadas ofensivas. No ataque, Jefinho deixou o campo para a entrada de Schumacher. Inicialmente, mesmo com as alterações, o Operário ainda não assustava, mas ganhava volume.

Do outro lado, as saídas dos atacantes Rodolfo e Felipe Augusto, além das substituições dos meias Matheusinho e Alê deixaram o Coelho sem criação.

Gersinho então aproveitou para jogar o time visitante para cima com Jean Carlo, Bustamante e Lucas Batatinha. E foram justamente atletas que saíram do banco de reservas que participaram do gol salvador de Julinho.

Reniê se aventurou mais à frente e cruzou da direita, Lucas Batatinha desviou no meio da área e o lateral esquerdo apareceu de carrinho, na pequena área, para decretar a igualdade em Belo Horizonte. 

PRÓXIMA RODADA

Após duas partidas consecutivas fora de casa, o Operário volta a Ponta Grossa para a quarta rodada da Série B. Na terça-feira (18), a partir das 19h15, o Fantasma recebe o CSA (AL) no Estádio Germano Krüger. 

Até o momento o confronto está confirmado na tabela da CBF. Vale lembrar que os dois últimos jogos do time alagoano foram adiados por conta dos 20 casos de coronavírus no elenco.

Caso haja mudança, o Operário só voltará a campo no domingo seguinte, quando visita o Paraná Clube na Vila Capanema.

FICHA TÉCNICA

América: Matheus Cavichioli; Diego Ferreira, Messias, Eduardo Bauermann e João Paulo (Anderson); Zé Ricardo, Juninho, Alê (Geovane) e Matheusinho (Marcelo Toscano); Felipe Augusto (Vitão) e Rodolfo (Sávio). Técnico: Lisca

Operário: Rodrigo Viana; Sávio (Bustamante), Rafael Bonfim, Ricardo Silva e Julinho; Mazinho (Reniê), Tomás Bastos, Marcelo e Thomaz Santos (Jean Carlo); Douglas Coutinho (Lucas Batatinha) e Jefinho (Schumacher). Técnico: Gerson Gusmão

Gols: Juninho (AMG) aos 10 minutos do 1º tempo; e Julinho (OFEC) aos 49 minutos do 2º tempo.
Cartões amarelos: Vitão (AMG); Rafael Bonfim (OFEC)

Local/Data: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG) | 14/08/2020
Arbitragem: Rodrigo Batista Raposo (DF), auxiliado por Lucas Torquato Guerra (DF) e Kleber Alves Ribeiro (DF)

ESTATÍSTICAS DO JOGO

Posse de bola
América-MG 47% x 53% Operário

Finalizações
América-MG 15 x 5 Operário

Faltas
América-MG 20 x 19 Operário

Passes
América-MG 422 x 469 Operário

Passes certos
América-MG 77% x 78% Operário

Bolas longas
América-MG 37/68 x 29/64 Operário

Cruzamentos
América-MG 5/23 x 3/16 Operário

Dribles
América-MG 9/14 x 11/17 Operário

Desarmes
América-MG 10 x 8 Operário

Interceptações
América-MG 7 x 6 Operário

* Dados SofaScore

Assine o Clube NEC!

Colabore para manter a nossa cobertura de jornalismo independente sobre o esporte de Ponta Grossa (PR). Você tem opção de ajudar com uma pequena quantia todo mês no crédido recorrente ou, então, um valor para o plano semestral com desconto e opção de parcelamento ou boleto bancário em cota única!

Compartilhe essa notícia com seus amigos!