Fora de casa, Operário fica apenas no 0 a 0 com a Ponte Preta

Em jogo pouco movimentado, o empate sem gols foi o que prevaleceu

Fora de casa, Operário fica apenas no 0 a 0 com a Ponte Preta

Operário e Ponte Preta empataram em 0x0, em Campinas - Foto: André Jonsson/OFEC

PublicidadeNEC

Em jogo de poucas chances criadas, Operário e Ponte Preta empatam sem gols no Estádio Moisés Lucarelli, na noite desta terça-feira (22). Com o resultado, o Fantasma vai a 11 pontos e permanece no G4. A Macaca também segue na zona de rebaixamento, com apenas 2 pontos. 

Primeiro Tempo

Os minutos iniciais foram dominados pela equipe da Macaca, que se lançou ao ataque enquanto o Fantasma não criava boas chances. Na sequência, o jogo ficou mais equilibrado, mas sem muita movimentação ofensiva de nenhum dos times.

Logo no primeiro minuto de jogo a Ponte criou a primeira chance. Kevin recebeu cruzamento da esquerda, rolou para trás e Vini Locatelli finalizou, mas acabou mandando por cima do gol. Aos 4, já deu Ponte no ataque novamente, quando Cleyton cabeceou e exigiu a primeira defesa de Thiago Braga. 

Aos 9, Josiel tentou cruzamento rasteiro, Reniê apareceu para cortar, mas quase mandou contra. A bola saiu para fora em escanteio. Após este lance, os ataques dos donos da casa e a partida como um todo, esfriaram um pouco. 

A primeira oportunidade do Operário foi aos 26. Rodrigo Pimpão cobrou escanteio, Tomás Bastos desviou de cabeça e a bola passou pela pequena área, mas Paulo Sérgio não chegou a tempo de completar.

Na bola parada, Djalma Silva exigiu a primeira defesa do goleiro Ygor. Aos 30 minutos, o lateral esquerdo cobrou falta e mandou uma bomba, que quicou na frente do gol e quase enganou, mas Ygor conseguiu espalmar.

Aos 38, Thomaz ainda tentou de fora da área, com chute rasteiro, mas o goleiro adversário defendeu sem dificuldade no meio do gol. A Macaca voltou a assustar aos 41, quando Richard recebeu na área, mas demorou a tomar uma decisão e foi travado por Alex Silva. A primeira etapa acabou aos 46, com 0 a 0 no placar. 

Segundo Tempo

As primeiras chances da segunda etapa demoraram mais para acontecer, mas foram novamente da Ponte Preta. Aos 14, Richard tentou um voleio, mas acabou mandando para fora. Logo depois, aos 15, Rodrigão mandou de cabeça e a bola passou rente à trave, assustando o goleiro Thiago Braga.

O técnico Matheus Costa realizou algumas mudanças, mas o Fantasma não cresceu muito na partida e as poucas oportunidades continuaram sendo da Macaca, que criava o maior volume no ataque.

Aos 26 minutos, Moisés fez grande jogada pela esquerda, avançou com facilidade e entrou na área para bater rasteiro. Thiago Braga caiu e fez boa defesa para evitar que o placar fosse aberto pelos donos da casa. 

O Fantasma teve chance no fim da partida, aos 43. Marcelo mandou chute forte da entrada da área, a bola fez curva e o goleiro Yago trabalhou para espalmar.  Sem outras grandes chances, a partida acabou aos 50 minutos e o empate permaneceu no placar. 

Próxima disputa

O Fantasma volta a jogar na sexta-feira (25), no Estádio Germano Kruger, contra o Confiança. A partida está previamente agendada para as 21h30, mas deve ser alterada em razão do decreto em vigor em Ponta Grossa, que não permite atividades não essenciais após as 20h. A partida é válida pela 7ª rodada da Série B. 

Escalações

Operário: Thiago Braga; Alex Silva, Reniê, Rodolfo Filemon e Djalma Silva; Leandro Vilela (Rafael Chorão), Tomas Bastos (Rafael Oller) e Jean Carlo (Marcelo); Thomaz (Fábio Alemão), Paulo Sérgio e Rodrigo Pimpão (Felipe Garcia)

Ponte Preta: Ygor Vinhas; Kewin, Ednei, Cleylton e Rafael Santos; Dawhan, Vini Locatelli (Marcos Junior), Camilo (Moisés); Richard (Fessin), Rodrigão (João Veras) e Josiel (Niltinho)

Ficha Técnica

Campeonato Brasileiro Série B - 6ª Rodada
Ponte Preta x Operário 
Data e Horário: 21/06/21 - 19h
Local: Moisés Lucarelli
Árbitro: Rafael Carlos Salgueiro Lima 
Assistentes: Rondinelle dos Santos Tavares; Wagner José da Silva
Quarto árbitro: Ilbert Estevam da Silva
 

Compartilhe essa notícia com seus amigos!
PublicidadeNEC