Cinco atletas do OFEC tiveram lesão pós-covid, duas não são musculares

Outras 14 lesões acometeram jogadores que não se contaminaram pela doença

Cinco atletas do OFEC tiveram lesão pós-covid, duas não são musculares

Dos 10 atletas que tiveram a doença, cinco tiveram lesão após - Foto: André Jonsson/OFEC

PublicidadeNEC

O Operário Ferroviário já soma cerca de vinte lesões na temporada de 2021. Dessas, apenas cinco foram registradas em atletas após a contaminação pela Covid-19 e duas delas não foram musculares. Atualmente, onze jogadores estão em recuperação no Departamento Médico. 

Na semana passada, o preparador físico Rodolfo Mehl e o fisiologista Eduardo Risden justificaram que, além da quantidade excessiva de jogos, um dos motivos para o alto índice de lesões era a contaminação pelo coronavírus. 

De acordo com um levantamento realizado por esta reportagem, 5 atletas tiveram lesão depois de serem acometidos pela doença: Alex Silva (cerca de 60 dias depois), Jean Carlo (cerca de 30 dias depois), Matheus Alemão (cerca de 30 dias depois), Ricardo Bueno (cerca de 15 dias depois) e Felipe Garcia (cerca de 35 dias depois). 

As contusões de dois deles, Alemão (tendinite no joelho) e Jean Carlo (rompimento parcial do ligamento do joelho) não são musculares e, dos outros três, são estiramentos no músculo da coxa, assim como a maior parte das lesões registradas no time. 

Outros 5 jogadores contraíram a doença mas não tiveram qualquer tipo de lesão: Fábio Alemão, Simão, Leandrinho, Fabiano e Rafael Oller. E, ainda, foram registradas 14 lesões em atletas que não pegaram o vírus ou que se contundiram antes da contaminação: Thiago Braga, Rafael Bonfim, Marcelo, Leandro Vilela, Odivan, Marcelo Santos, Tomas Bastos, Paulo Sérgio, Pedro Ken (duas vezes), Lucas Mendes, Cleyton (duas vezes) e Rafael Oller (lesão antes da covid).

O Operário enfrenta o Avaí nesta quinta-feira (22), na Ressacada, às 19h. Para esta partida, o Fantasma segue desfalcado de 11 jogadores: Rafael Bonfim, Ricardo Bueno, Alex Silva, Jean Carlo, Felipe Garcia, Paulo Sérgio, Tomas Bastos, Lucas Mendes, Cleyton, Matheus Alemão e Pedro Ken. 

Compartilhe essa notícia com seus amigos!
PublicidadeNEC