Operário vence o Coritiba por 1x0 em jogo dramático no Germano Krüger

Fantasma teve jogador e treinador expulsos mas garantiu o resultado

Operário vence o Coritiba por 1x0 em jogo dramático no Germano Krüger

Ricardo Bueno marcou o gol da vitória Alvinegra sobre o Coxa - Foto: André Jonsson/OFEC

PublicidadeNEC

Em partida dramática, o Operário quebrou a invencibilidade de 10 jogos do Coritiba e venceu por 1 a 0, na noite deste domingo (25), no Estádio Germano Kruger. O Fantasma levou a melhor com gol de Ricardo Bueno, mas teve jogador e treinador expulsos na segunda etapa. 

Primeiro Tempo

O Operário começou melhor na partida, dominando as ações, trocando passes no campo ofensivo e criando as melhores chances. A situação foi predominante durante toda a primeira etapa. 

Aos 9 minutos, o Fantasma teve a sua primeira boa chance. O volante Leandro Vilela roubou a bola na altura do meio-campo, carregou pouco e arriscou uma bomba de longe, exigindo a defesa do goleiro Wilson. 

Com o andamento da partida, o jogo foi ficando mais truncado e poucas chances de perigo foram levadas aos gols. Somente aos 31, o Corotina conseguiu chegar à sua primeira oportunidade clara. Guilherme Biro cruzou para dentro da área e Waguininho subiu para cabecear, mas Simão ficou com ela, sem dificuldade. 

Aos 35, Ricardo Bueno, voltando ao time titular após uma lesão na coxa, recebeu bom lançamento de Fábio Alemão. O camisa 9 avançou no meio da zaga e entrou livre na área para chutar cruzado e abrir o placar para o Alvinegro. O árbitro apitou aos 48 e a primeira etapa terminou com vantagem do Fantasma no placar. 

Segundo Tempo

Precisando do gol, o Coxa teve mais a posse de bola no segundo tempo. No entanto, a equipe teve dificuldade de criar boas chances e apenas trocava passes para conseguir chegar efetivamente ao gol. 

O Fantasma levou perigo na bola parada quando Djalma Silva cobrou escanteio aos 16 minutos, mas Wilson subiu para afastar. O Coritiba seguiu  com a posse, mas parava em uma defesa bem postada do Operário e não conseguia finalizações.

Aos 27 minutos, o volante Leandro Vilela colocou a mão na bola para parar uma jogada, levou o segundo amarelo e acabou expulso. O Alvinegro seguiu com um a menos até o final. 

Pouco depois, aos 31, Robinho ajeitou a bola e Val chutou da meia lua, mandando um chute forte que passou muito perto da trave. Foi a primeira grande chance do Coxa nesta etapa. Depois, aos 38, novamente Val apareceu para dar passe. Ele cruzou na cabeça de Léo Gamalho, mas o camisa 9 acabou mandando para fora. 

Aos 39 minutos, o técnico Matheus Costa levou o vermelho direto por tentar impedir que o jogador do Coritiba pegasse a bola rápido para cobrar o lateral. O árbitro deu 8 minutos de acréscimo e o Fantasma seguiu vivendo um drama com dois jogadores sentindo dores, sem poder sair, já que todas as substituições já haviam sido realizadas. 

Aos 51, o zagueiro Wilson foi para o ataque e surpreendeu, já que conseguiu cabecear após cobrança de escanteio, mas acabou mandando para fora. A partida foi até os 53 e o Fantasma garantiu a vitória por 1 a 0. 

Próxima Partida

O Operário volta a campo na próxima sexta-feira (30), às 16h30, para enfrentar o Goiás. A partida acontece no Estádio da Serrinha e é válida pela 15ª rodada da Série B. 

Escalações

Operário: Simão; Alex Silva, Fábio Alemão, Reniê e Fabiano; Leandro Vilela, Rafael Chorão (Rodolfo Filemon) e Leandrinho (Marcelo Santos); Felipe Garcia (Thomaz), Ricardo Bueno (Jean Carlo) e Djalma Silva

Coritiba: Wilson; Matheus Sales (Robinho), Henrique, Luciano Castán e Guilherme Biro; Jhony Douglas (Willian Alves), Val e Rafinha (João Vitor); Waguininho, (Valdeci) Igor Paixão e Léo Gamalho

Ficha Técnica

Campeonato Brasileiro Série B - 14ª rodada
Coritiba x Operário 
Local: Couto Pereira
Data e horário: 25/07/21 - 18h15
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro
Árbitro Assistente 1: Marcus Vinicius Gomes 
Árbitro Assistente 2: Frederico Soares Vilarinho 
Quarto Árbitro: Leonardo Sígari Zanon 

Compartilhe essa notícia com seus amigos!
PublicidadeNEC