Operário desperdiça pênalti e perde para o Goiás na 15ª rodada

Fantasma criou poucas chances e viu o adversário dominar o segundo tempo

Operário desperdiça pênalti e perde para o Goiás na 15ª rodada

Equipes se enfrentaram nesta sexta-feira (30), na Serrinha - Foto: André Jonsson/OFEC

PublicidadeNEC

Em jogo de poucas oportunidades para os visitantes, o Operário perdeu para o Goiás na tarde desta sexta-feira (30), no Estádio da Serrinha. O Fantasma quase não conseguiu criar, perdeu um pênalti e viu o adversário abrir o placar e levar os 3 pontos na 15ª rodada da Série B. 

Primeiro Tempo

A primeira etapa foi de poucas oportunidades, com as duas equipes trocando passes mas cometendo alguns erros neste fundamento. Em geral, os goleiros pouco trabalharam nos 45 minutos iniciais.

O Operário conseguiu construir a primeira boa jogada trabalhada aos 26 minutos. Leandrinho entrou rápido na área pela esquerda, cortou a defesa, mas foi derrubado pelo zagueiro David Duarte e o árbitro assinalou pênalti.Na sequência, quem cobrou foi o atacante Ricardo Bueno, artilheiro do time. O camisa 9 foi para a bola mas acabou pegando muito embaixo e isolou, mandando longe do gol. 

A partida seguiu e, aos 30, o Goiás levou perigo ao gol do goleiro Simão pela primeira vez. Alef Manga recebeu bom passe e mandou chute forte que foi parar no travessão. Em seguida, Simão conseguiu afastar a bola de lá. 

Logo depois, aos 33, Rafael Chorão arriscou chute de fora e exigiu a primeira defesa do goleiro Tadeu na partida. O Goiás também tentou alguns chutes de fora da área no fim da etapa inicial, mas em todas a bola foi para fora. 

Aos 43, Simão voltou a ser exigido. Os donos da casa conseguiram bola longa e Caio Vinicius recebeu pela esquerda. Ele chutou cruzado, mas o goleiro Alvinegro caiu para fazer a defesa e afastar. Na sobra, Fábio Alemão mandou para longe. O árbitro apitou aos 49 e o 0 a 0 ficou no placar. 

Segundo Tempo

Diferente do que aconteceu no primeiro tempo, logo no início da segunda etapa, o Goiás conseguiu chegar ao gol. Aos 4 minutos, Elvis cobrou falta e Simão defendeu mas acabou dando rebote. A sobra ficou nos pés de Rezende que finalizou forte e ainda contou com um desvio de Reniê. A bola morreu no fundo do gol. 

A sequência da partida passou a ficar truncada, com muitas faltas, erros de passe e poucas finalizações efetivas. Com o placar a favor, o Goiás tinha mais o controle da partida e dava poucos espaços para o Alvinegro empatar.

Quem teve chance de ampliar foi o Goiás. Alef Maga recebeu passe na frente, passou da marcação e entrou na área para finalizar. Simão se esticou e fez boa defesa com a ponta do pé esquerdo, evitando o segundo gol alviverde. 

Aos 38, Elvis encontrou passe na frente para Alef Manga que recebeu sozinho. Ele finalizou cara a cara com o goleiro, mas Simão cresceu na frente do atacante e conseguiu fazer a defesa. Fabiano apareceu e tirou por completo. A partida foi até os 49 com vitória esmeraldina por 1 a 0. 

Próxima Partida

O Fantasma volta a jogar na próxima sexta-feira (30), às 16h, contra o Remo. A partida acontece no Estádio Evandro Almeida e é válida pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro Série B. 

Escalações

Operário: Simão; Alex Silva (Rodolfo Filemon), Fábio Alemão, Reniê e Fabiano; Marcelo Santos, Rafael Chorão (Schumacher) e Leandrinho (Tibagi); Rodrigo Pimpão (Rafael Oller), Ricardo Bueno e Felipe Garcia (Thomaz)

Goiás: Tadeu; Dieguinho, David Duarte, Reynaldo e Artur; Caio Vinícius, Rezende, Miguel Figueira (Luan Dias) e Élvis (Iago Mendonça); Alef Manga (Dada Belmonte) e Bruno Mezenga (Nicolas)

Ficha Técnica

Campeonato Brasileiro Série B - 15ª rodada
Goiás x Operário
Data e horário: 30/07/21 - 16h
Local: Estádio da Serrinha
Árbitro: Salim Fende Chavez 
Árbitro Assistente 1: Fabio Rogerio Baesteiro 
Árbitro Assistente 2: Herman Brumel Vani 
Quarto Árbitro: Rubens Paulo Rodrigues dos Santos 

Compartilhe essa notícia com seus amigos!
PublicidadeNEC