Com um a menos, Operário se supera e vence o Remo pela 16ª rodada

Chorão foi expulso na primeira etapa mas Thomaz marcou para o Fantasma

Com um a menos, Operário se supera e vence o Remo pela 16ª rodada

Fantasma garantiu o resultado com gol anotado por Thomaz Santos - Foto: Gabriel Thá/OFEC

PublicidadeNEC

Com um a menos desde o início, o Operário conseguiu se superar e venceu o Clube do Remo na tarde desta sexta-feira (6), jogando no Baenão. O único gol da partida foi anotado por Thomaz, na segunda etapa. Com o resultado, o Fantasma vai a 26 pontos e fica na sétima posição na tabela. 

Primeiro Tempo

A partida parecia estar amena, com as duas equipes estudando jogo e encontrando a melhor maneira de partir ao ataque no início de jogo. Porém, aos 5 minutos, Rafael Chorão deu uma entrada dura com a sola da chuteira no joelho do volante Pingo. O meia do Fantasma levou o vermelho direto e a equipe seguiu com um jogador a menos.

O Alvinegro até teve boa chance aos 10, em jogada individual de Thomaz pela esquerda. O atacante driblou a marcação e chutou cruzado. O goleiro espalmou e Rodrigo Pimpão quase chegou para guardar, mas ela acabou passando e foi para a linha de fundo.

A situação voltou a ficar complicada para a equipe do técnico Matheus Costa quando aos 11, Leandrinho caiu no gramado com fortes dores no joelho. O meia recebeu atendimento médico no gramado, saiu de maca e precisou ser substituído por Marcelo Santos. 

Mesmo com um jogador a mais, o Remo seguiu com dificuldade de infiltrar as linhas de marcação do Operário e chegar ao ataque. Com isso, a primeira boa oportunidade do Clube do Remo veio em chute de fora, aos 27 minutos. Thiago Ennes deu passe para Felipe Gedoz , que pegou de primeira e exigiu boa defesa do goleiro Simão. 

A grande chance do primeiro tempo foi da equipe paraense, nos minutos finais. Lucas Tocantis partiu rápido em contra-ataque, driblou Leandro Vilela e saiu na cara do gol, mas acabou adiantando demais e Filemon chegou para cortar no momento certo e evitar que o azulino abrisse o placar. 

Segundo Tempo

Mesmo com um a menos, o Operário conseguiu deixar as ações do jogo equilibradas. A primeira oportunidade clara da segunda etapa foi do Fantasma, aos 7 minutos, quando Paulo Sergio arriscou chute forte de fora e mandou a bola na trave do goleiro Vinicius. 

Do lado dos donos da casa a resposta só veio aos 17. Rafinha chutou de fora e a bola também foi com perigo na trave alvinegra, assustando o goleiro Simão.  

Pouco tempo depois, aos 19, Thomaz recebeu no meio, pedalou em cima da marcação e finalizou de perna esquerda no canto do goleiro, que não conseguiu fazer a defesa. 1 a 0 para o Fantasma no placar.

O Operário passou perto de ampliar aos 28. Thomaz roubou a bola no campo de defesa, avançou em velocidade e deu o passe para Schumacher finalizar dentro da área. O centroavante bateu cruzado, mas o goleiro conseguiu fazer a defesa. 

Aos 30, Rafinha recebeu passe no meio e tentou empatar para o Remo com bom chute de fora, mas a bola passou pelo lado esquerdo, muito perto da trave. Pouco depois, aos 33, Wellington Silva recebeu dentro da área, mas sem sucesso ângulo não conseguiu finalizar bem e Simão fez a defesa.

Nos minutos finais, o Azulino seguiu pressionando, conseguindo uma sequência de finalizações e escanteios, enquanto o Fantasma apenas se defendia bem. Sem sucesso nas chances criadas, a partida acabou aos 51 e o Remo acabou derrotado por 1 a 0 .

Escalações:

Operário: Simão, Fábio Alemão, Reniê, Rodolfo Filemon (Zemarcio), Fabiano; Leandro Vilela, Rafael Chorão, Leandrinho; Thomaz Santos (Odivan), Rodrigo Pimpão (Cleyton) e Paulo Sérgio (Schumacher)

Remo: Vinícius; Thiago Ennes (Wellington Silva), Kevem, Romércio e Igor Fernandes; Pingo (Marcos Junior), Lucas Siqueira e Felipe Gedoz (Renan Gorne); Matheus Oliveira (Rafinha), Arthur e Lucas Tocantins 

Ficha Técnica

Campeonato Brasileiro Série B - 16ª rodada
Remo x Operário
Local: Baenão
Data e horário: 06/08/21 - 16h
Árbitro: Dyorgines Jose Padovani de Andrade - ES
Assistentes: Fabiano da Silva Ramires - ES e Fabio Faustino dos Santos - ES
Quarto árbitro: Olivaldo José Alves Moraes - PA

Compartilhe essa notícia com seus amigos!
PublicidadeNEC