Micael lamenta falhas na defesa do Operário, mas defende zagueiros

Jogador pode pintar no time titular por conta de duas suspensões

Micael lamenta falhas na defesa do Operário, mas defende zagueiros

Micael disputa boa no alto em treinador do Operário - Foto: Josué Teixeira/Arquivo

PublicidadeNEC

Setor destacado pelo técnico Itamar Schulle durante a pré-temporada, a defesa do Operário Ferroviário Esporte Clube (OFEC) não tem se portado como comandante deseja. A principal preocupação diz respeito às jogadas aéreas.


Os três gols sofridos pelo Fantasma até aqui no Campeonato Paranaense vieram de cabeceios após cruzamentos pelo lado do campo. O erro de posicionamento é uma das coisas a serem corrigidas para o jogo contra o Londrina.


Cotado para assumir vaga na zaga por conta de suspensões de dois atletas, o zagueiro Micael afirma que a bola aérea requer "muita atenção". "Precisamos estar sempre conversando, para marcar o atacante que aparece por trás ou que antecipa".


O defensor acredita que os erros precisam ser superados visto que o grupo tem se aplicado. Para ele, a seriedade deve pautar o trabalho. "Nós temos que nos prevenir, saber que não somos invencíveis, mesmo com um time alto", aponta.


Leia também:

Mikulis deve ser vice em chapa por presidência da FPF

Operário contrata meio-campista do Internacional


Caso Micael venha a ser escolhido para atuar como titular, a zaga do Operário deve ter uma modificação de posicionamento. Escalado comumente pelo lado direito, Douglas Mendes deve virar quarto zagueiro.

Compartilhe essa notícia com seus amigos!
PublicidadeNEC