Em casa, Operário busca primeira vitória no PR2016 contra o Maringá

Na lanterna da competição, o alvinegro quer espantar a má fase

Em casa, Operário busca primeira vitória no PR2016 contra o Maringá

Operário pega o Maringá e Picoli não garante Lucas como titular - Foto: Emmanuel Fornazari

PublicidadeNEC

Em busca de dias melhores, o Operário encara neste domingo (13), às 17h, o Maringá no Estádio Germano Kruger. Com três derrotas consecutivas, e sem somar pontos, o alvinegro busca a primeira vitória no Campeonato Paranaense para escapar da lanterna.


O Fantasma já tropeçou duas vezes em casa diante de Atlético-PR e Paraná e espera reencontrar o caminho das vitórias contra a Zebra. O time comandado por Antonio Picoli não vence desde a pré-temporada, quando bateu o Brusque por 1 a 0  com gol de Rafinha, em jogo –treino.


Para partida, Picoli terá os retornos do zagueiro Douglas Mendes e do volante Lucas, que cumpriram suspensão na derrota para o J Malucelli. Ele também pode contar com a estreia do meia sérvio Marko Perovic, que teve o contrato publicado no Boletim Informativo Diário (BID) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).   


Os últimos treinamentos foram realizados com portões fechados em Vila Oficinas e Picoli afirmou que mudanças devem acontecer. “Ninguém tem vaga certa na equipe. O  retorno do Lucas e do Douglas não está assegurado. Temos 14 jogadores em bom nível técnico e vamos mexer em algumas situações”, ressaltou.


Durante a última entrevista coletiva na sala de imprensa no Germano Kruger, o comandante alvinegro fez uma projeção: “Ninguém quer saber contra quem nós jogamos, o que precisamos é fazer resultados. Isso também para que os atletas tenham um pouco mais de tranquilidade. De domingo não passa. Vamos conquistar a vitória”, enfatizou.


A provável escalação do Operário tem Juninho; Danilo Baia, Douglas Mendes (Jean), Sosa e Peixoto; Chicão, Baiano (Lucas), Rafinha (Perovic) e Thiago Silva, Reinaldo Mineiro e Juba.


Adversário também quer a reabilitação


Já o Maringá, comandado por Edson Borges, vem de duas derrotas consecutivas ao perder ‘no detalhe’ para Atlético e Paraná. Para enfrentar o Operário, terá o retorno do zagueiro Rogélio, que volta após suspensão. Já o atacante Diego teve seu contrato publicado no BID.


Por outro lado, tem como dúvidas o zagueiro David e o volante  Maranhão, com problemas físicos. A equipe deve passar por pelo menos seis mudanças. A equipe ainda não oficializada por Edson Borges deve ter: Dida; Diogo, Alex, Rogélio e Helder; Zé Leandro, Jackson, Andrezinho e Thiago Henrique; Neilson e Vieira.


*Com informações do Maringá pela Rádio Maringá Web

Compartilhe essa notícia com seus amigos!