PublicidadeNEC

Operário reclama de árbitros e acusa Federação de represália

Pontarollo crê em perseguição ao clube por conta do apoio a Gomyde

Por: ‎Emmanuel Fornazari em 09/03/2015 20:02:39 atualizado em 17/01/2019 02:39:46

Operário reclama de árbitros e acusa Federação de represália

Presidente Pontarolo acredita em retaliação por parte da FPF em jogo político - Foto: Marielly Bueno

Operário reclama de árbitros e acusa Federação de represália
PublicidadeNEC

Mesmo com a vitória de 2 a 1 sobre o Nacional, a diretoria do Operário Ferroviário Esporte Clube (OFEC) não saiu de Rolândia satisfeita. O motivo do aborrecimento foi a arbitragem de Lucas Paulo Torezin. Para o presidente Laurival Pontarollo, o Fantasma é perseguido por conta do apoio a Ricardo Gomyde na eleição da Federação Paranaense.


“Eu estou indignado porque domingo, contra o J. Malucelli, já fomos prejudicados. Os árbitros não deixam a nossa equipe jogar. O Hélio [Cury] que comece a pensar no que está fazendo, pois nós estamos com o Ricardo Gomyde”, frisou Pontarollo durante entrevista coletiva.


A principal reclamação do último domingo foi em relação aos critérios adotados por Torezin e o alto número de cartões aplicados. Os jogadores alvinegros receberam ao menos sete amarelos. Já os volantes Chicão e Léo Salino acabaram expulsos. Eles e o zagueiro Douglas Mendes desfalcam o Operário contra o Atlético-PR. 


Leia também:

Promoção: NEC sorteia camisa do Operário autografada por Chicão

Schulle ganha quatro desfalques para jogo contra o Atlético-PR


Segundo Pontarollo, os clubes que apóiam a chapa de oposição devem se unir para impedir a repetição desses episódios. “Com certeza temos que nos manifestar. Precisamos de uma postura mais séria para que o Hélio Cury veja a situação das arbitragens”, completou o presidente do Fantasma.

https://www.netesporteclube.com.br/artigo/Operario/303/Operario-reclama-de-arbitros-e-acusa-Federacao-de-represalia" data-text="Operário reclama de árbitros e acusa Federação de represália">
PublicidadeNEC