PublicidadeNEC

Operário recebe o Furacão por tranquilidade no Paranaense

Caso vença o Atlético, Fantasma se aproxima da vaga na segunda fase

Por: ‎Emmanuel Fornazari em 11/03/2015 12:54:49 atualizado em 17/01/2019 03:11:14

Operário recebe o Furacão por tranquilidade no Paranaense

Fantasma treina no Germano Kruger antes de pegar o Atlético-PR nesta quarta - Foto: Josué Teixeira

Operário recebe o Furacão por tranquilidade no Paranaense
PublicidadeNEC

O Operário Ferroviário Esporte Clube (OFEC) tenta encaminhar nesta quarta-feira (11), contra o Atlético-PR, a vaga nas quartas de final do Campeonato Paranaense. Uma vitória dentro do Germano Krüger leva o Fantasma aos 16 pontos e pode deixar a equipe na vice-liderança da competição.


No ano passado, quando o Estadual foi disputado com a mesma fórmula, o Atlético ficou com a última vaga na segunda fase. Na oportunidade, o Furacão somou 15 pontos. Para o técnico Itamar Schülle, as contas não cabem à comissão técnica ou aos jogadores.


“Eu nem menciono essa possibilidade de classificação. Nós temos uma visão diferente do futebol. Para nós, é apenas mais um jogo. Claro que o campeonato vai afunilando, mas nós temos que nos concentrar somente na partida”, frisou o treinador alvinegro.


O Operário chega embalado pelo triunfo de 2 a 1 sobre o Nacional e aposta na força da torcida para emplacar a quinta vitória na temporada. Com 13 pontos em sete jogos, o Fantasma já superou a campanha do ano passado, quando disputou o ‘Torneio da Morte’.


Em campo, Itamar Schülle não pretende mexer no esquema tático, mas será obrigado a fazer quatro modificações no time titular. O objetivo do treinador é manter a força defensiva e qualificar a saída de bola.


Leia também:

Autarquia bloqueia ruas ao redor do Estádio Germano Kruger

Ingressos promocionais podem ser adquiridos nesta quarta


Do outro lado, o Atlético está há três jogos sem vitória e ocupa o nono lugar, com oito pontos. O Furacão coloca em ação mais uma vez a equipe principal, comandada por Claudinei Oliveira. A única dúvida é no setor ofensivo, onde Marcos Guilherme pode ganhar a vaga de Edigar Junio.


Ficha técnica:


Operário: Jhonatan; Danilo Baia, Micael, Sosa e Nequinha (Jhonathan Silva); Marcelo Carvalho, Lucas, Pedrinho e Ruy; Juba e Douglas. Técnico: Itamar Schülle.


Atlético-PR: Weverton; Daniel Borges, Gustavo, Cleberson e Natanael; Deivid, Paulinho Dias e Bady; Dellatorre, Cléo e Marcos Guilherme (Edigar Junio). Técnico: Claudinei Oliveira.


Arbitragem: Rafael Traci


Asssitentes: Daniel Cotrim de Carvalho e Adolfo Ferreira Borges


Data/Horário/Local: 11/03/15, às 22h, no Estádio Germano Krüger

https://www.netesporteclube.com.br/artigo/Operario/317/Operario-recebe-o-Furacao-por-tranquilidade-no-Paranaense" data-text="Operário recebe o Furacão por tranquilidade no Paranaense">