PublicidadeNEC

Assédio a jogadores incomoda e permanece em pauta no Fantasma

Direção alvinegra ainda trabalha para evitar saída de atletas

Por: Redação NEC em 12/01/2017 09:01:16 atualizado em 09/12/2018 04:33:03

Assédio a jogadores incomoda e permanece em pauta no Fantasma
Danilo Baia (dir.) é um dos jogadores com proposta de outros clubes - Foto: Arquivo NEC

Os jogadores mais ‘veteranos’ do Operário Ferroviário estão na mira de outros clubes do futebol brasileiro. Apesar das sondagens, a diretoria alvinegra confirma a permanência dos atletas para a temporada 2017. A exceção é uma: o volante Chicão ainda discute liberação para atuar no Brasil de Pelotas.


“O assunto Chicão ainda estamos discutindo. Iríamos liberá-lo nas condições impostas pelo clube, ou seja, com o pagamento da rescisão. Mas o Brasil não quer dessa forma. Então, ele tem contrato com o Operário até o final do ano e terá de cumprir”, atesta o presidente do Grupo Gestor do Fantasma, José Álvaro Góes Filho.


Além do capitão alvinegro, o dirigente revelou que o lateral direito Danilo Baia, o volante Serginho Paulista e o meia Washington foram assediados por outras equipes. Porém, Góes sentencia que eles irão vestir as cores do time de Vila Oficinas.


“Eles vão continuar aqui, morreu o assunto. Todos começam a treinar na próxima semana ao lado dos demais jogadores”, completa o dirigente. A reapresentação dos comandados de Gerson Gusmão está programada para segunda (16), no Estádio Germano Krüger.

https://www.netesporteclube.com.br/artigo/Operario/3805/Assedio-a-jogadores-incomoda-e-segue-em-pauta-nos-bastidores-do-OFEC" data-text="Assédio a jogadores incomoda e permanece em pauta no Fantasma">
PublicidadeNEC