PublicidadeNEC

Operário Ferroviário atinge a marca de 5 mil sócios-torcedores filiados

Diretoria do Fantasma anuncia novidades para o programa de fidelidade

Por: ‎Emmanuel Fornazari em 10/07/2018 18:29:02 atualizado em 16/11/2018 11:35:57

Operário Ferroviário atinge a marca de 5 mil sócios-torcedores filiados
Joelcio (esq.) e Álvaro anunciam marca de 5 mil sócios-torcedores - Foto: Emmanuel Fornazari
A diretoria do Operário Ferroviário anunciou em entrevista coletiva que o programa de sócio-torcedor Fantasma da Vila atingiu a marca de 5 mil associados. São quase três mil sócios a mais desde o início de 2018.

"O trabalho não pode parar", crava o diretor do programa de sócio-torcedor, Joelcio de Miranda. Ele foi responsável pela reformulação do projeto para estimular a adesão de novos torcedores ao sistema de fidelização e benefícios do alvinegro.

Segundo Miranda, um dos maiores méritos para que o número fosse atingido é o valor do ingresso. "O Operário não pode baixar o preço do ingresso. Não tem lógica você ter o ingresso barato se você tem um [programa] de sócio-torcedor barato", crava.

O Fantasma possui basicamente três planos: Prata (R$ 40), Ouro (R$ 80) e Diamante (R$80). Há também variações de valores para mulheres e crianças, disponíveis em tabela no site do Operário. (clique aqui).

Com a marca estabelecida, o Operário atinge a meta inicial de chegar a 5 mil sócios. Porém, com a evolução crescente e o potencial avaliado, o presidente do Grupo Gestor, Álvaro Góes, afirma que "o céu é o limite" ao mesmo tempo que projeta um objetivo dentro de campo.

"Não tem limite (para atingir um número de sócios-torcedores). O céu é o limite. Se a gente conquistador o objetivo na Série B, o meu objetivo vai ser a Série A. Quem não tem um sonho, não tem um objetivo na vida, não vai chegar a lugar nenhum".
https://www.netesporteclube.com.br/artigo/Operario/6386/Operario-Ferroviario-atinge-a-marca-de-5-mil-socios-torcedores-filiados" data-text="Operário Ferroviário atinge a marca de 5 mil sócios-torcedores filiados">
PublicidadeNEC