PublicidadeNEC

Operário supera o River Plate nos pênaltis e conquista Taça

O duelo terminou em 2 a 2 no tempo regulamentar

Por: Redação NEC em 11/07/2018 01:09:35 atualizado em 13/11/2018 23:17:07

Operário supera o River Plate nos pênaltis e conquista Taça
Operário saiu vencedor do amistoso internacional - Foto: José Tramontin/ OFEC

O Fantasma bateu o River Plate, do Uruguai, por 5 a 4 nos pênaltis, na noite desta terça-feira (10), em amistoso internacional realizado no Estádio Germano Krüger. No tempo normal, a partida terminou com o placar de 2 a 2.

Líder do Grupo B do Campeonato Brasileiro da Série C, o Operário não perde há sete rodadas na competição nacional. Do outro lado, o River Plate usou a partida como preparação para o retorno do Campeonato Uruguaio. Em território brasileiro, a equipe ainda joga contra o Paraná Clube, na próxima quinta-feira (12) e contra a Chapecoense no sábado (14).

Com elenco alternativo, o Operário iniciou o duelo com Reynaldo, Danilo Báia, Yuri, Sosa, Romano, Serginho Paulista, Lucas Batatinha, Pedrinho, Schumacher, Anderson Paraíba e Gil Paraíba. Entraram na segunda etapa: Quirino, Raphael Soares, Erick e Peixoto.

Já o River Plate iniciou com Pérez, González, Barone, Ale, Vigo, Silvera, Jones, Da Luz, Oliveira, Calzada e Bone. Nas substituições entraram Vignoly, Arezo e Morales.

1º tempo

O River Plate (URU) iniciou a partida contra o Fantasma em ritmo intenso e com forte marcação, aproveitando principalmente os contra-ataques. A receita fez efeito logo no início.

Aos 8 minutos, a primeira grande chance da partida apareceu com o time da casa, depois que Schumacher dominou e colocou nos pés de Anderson Paraíba. O jogador finalizou no meio do gol, para defesa do goleiro Pérez.

Mas não demorou muito para que, em contra-ataque de muita agilidade, Bone aproveitasse a chance ao ficar cara a cara com a meta e marcasse o primeiro da partida. Na volta, o Operário até balançou as redes, mas o gol foi anulado por impedimento.

Aos 16 minutos, foi a bola parada do River Plate que fez efeito. Após escanteio batido por James na primeira trave, o goleiro Reynaldo fez grande defesa, mas no rebote, Barone apareceu e colocou no fundo da rede.

Mesmo quando o time comandado por Gerson Gusmão tentava surpreender, era barrado no setor defensivo uruguaio.

2º tempo

Na segunda etapa do confronto, o Operário reagiu. Aos 6 minutos, Lucas Batatinha invadiu a área e completou para o gol: 2 a 1.

O jogo ficou truncado e, para buscar o empate na partida amistosa, o técnico do Fantasma fez uma série de alterações no elenco e na dinâmica da partida. Aos 37 minutos, Erick construiu uma grande jogada individual pela direita, batendo cruzado ao entrar na área. A bola saiu pela linha de fundo.

Na sequência, Danilo Baía colocou a bola no travessão ao cobrar uma falta perigosa. As jogadas e a expulsão de González, do River, deram confiança ao time alvinegro. Já nos acréscimos, aos 46 minutos, Erick dominou, girou e de perna direita deixou tudo igual para o Operário.

Pênaltis

Nas penalidades, James, Barone, Ale, Silveira e o goleiro Pérez bateram as cinco primeiras para o River Plate; enquanto Schumacher, Peixoto, Quirino, Raphael Soares e Yuri bateram para o Operário.

Com as falhas de Ale e Silveira, de um lado, e Raphael e Yuri do outro, a disputa foi parar nos chutes alternados. Serginho Paulista e Vigo fizeram os gols, deixando tudo igual novamente. Foi o gol de Pedrinho que consagrou a Taça Alegra, com o erro de Arezo na cobrança uruguaia.

Sub-19 em campo

Em partida que antecedeu o confronto dos times principais, o Sub-19 do Fantasma entrou em campo para enfrentar os reservas do River Plate (URU). Pelo placar de 3 a 1, os uruguaios saíram com a vitória.

O Operário até começou melhor, abrindo o placar aos 7 minutos com Thalles. Mas na segunda etapa o adversário entrou disposto. Logo aos 3 minutos Martin deixou tudo igual. Nicolas Rodriguez e Herrera ampliaram, dando a vitória ao River.

https://www.netesporteclube.com.br/artigo/Operario/6389/Operário-supera-o River-Plate-nos-pênaltis-e-conquista-Taça" data-text="Operário supera o River Plate nos pênaltis e conquista Taça">
PublicidadeNEC