PublicidadeNEC

Projeto de CT do Operário pode incluir parte pedagógica e até futebol feminino

Responsáveis pela parceria na UEPG detalham metas a médio e longo prazo

Por: Raylane Martins em 31/10/2018 06:40:00 atualizado em 17/11/2018 21:07:40

Projeto de CT do Operário pode incluir parte pedagógica e até futebol feminino
Reitoria da UEPG faz planos para a parceria com o Operário - Foto: Raylane Martins

Mais do que um espaço de treinos para as equipes do Operário Ferroviário e palco de estudos para acadêmicos da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), o Centro de Treinamento do time alvinegro na instituição de ensino deve inovar nos projetos sociais voltados ao esporte na cidade.

O chefe de relações institucionais da UEPG, Miguel Archanjo de Freitas, conta que haverá maior destaque no trabalho com jovens atletas. A busca por jogadores da própria cidade, que muitas vezes não são vistos e não têm a oportunidade da prática adequada da modalidade, deve ser um dos princípios. As atividades também visam à formação cidadã. A ideia é que o projeto do CT em si possibilite uma devolutiva social para a comunidade universitária e externa.

“Hoje estamos falando do futebol masculino, mas o futebol feminino tem uma grande ascensão. Isso não nos exime de ter escolinha de futebol feminino também. Existem possibilidades de termos campos nos bairros para selecionar os melhores atletas e trazê-los para esse CT. Esses meninos, que serão trabalhados nos bairros, receberão a mesma metodologia, com o princípio da formação do cidadão. Para nós, tão importante quanto descobrir o jogador é formar o cidadão”, ressalta Miguel.

O acompanhamento pedagógico com atletas de base também terá um diferencial. A Universidade pretende sugerir o ensino de um segundo idioma e de uma preparação específica para o mercado do futebol. A intenção é dar ‘blindagem’ aos jovens para que não se percam em meio a um contexto que ainda é marcado por negociações aproveitadoras.

“Eu acho que esse é um dos maiores ganhos que teremos para a nossa comunidade: essa possibilidade deles terem acesso a esses jogadores e, acima de tudo, essa possibilidade de termos atletas da base com um trabalho de formação”, pontua Miguel.

https://www.netesporteclube.com.br/artigo/Operario/6957/projeto-de-ct-do-ofec-pode-incluir-parte-pedagogica-e-ate-futebol-feminino" data-text="Projeto de CT do Operário pode incluir parte pedagógica e até futebol feminino">
PublicidadeNEC