PublicidadeNEC

Mesmo intransponível, Gersinho cobra evolução no sistema defensivo do OFEC

Técnico se preocupa com erros e emenda: "merecíamos ter tomado um golzinho"

Por: Felipe Gustavo em 28/01/2019 08:09:00 atualizado em 28/01/2019 08:13:59

Mesmo intransponível, Gersinho cobra evolução no sistema defensivo do OFEC

Ao lado de Álvaro Góes, técnico Gerson Gusmão concede entrevista coletiva após a vitória de 2 a 0 sobre o Cascavel CR - Foto: José Tramontin/OFEC

Mesmo intransponível, Gersinho cobra evolução no sistema defensivo do OFEC

Apenas duas equipes ainda não sofreram gols no Campeonato Paranaense. De um lado está o Cianorte, que empatou todas em 0 a 0. Do outro o Operário - dono da melhor campanha geral até o momento. Motivos para comemorar o técnico Gerson Gusmão, do Fantasma, tem de sobra. Porém, ele demonstrou neste domingo (27), após a vitória de 2 a 0 sobre o Cascavel CR, que não se deixa levar pelas estatísticas.

Gersinho cobra uma mudança de postura do sistema defensivo. Em entrevista coletiva, o treinador alvinegro chegou a citar que o time já merecia ter sofrido ao menos um gol na competição. "Números excelentes, né? Mas a gente merecia ter tomado um golzinho por erros nossos. Então tem que abranger essa situação. Não posso me prender só no fato de não ter tomado gols", enfatiza.

Desde a primeira rodada, o Operário vem flertando perigosamente com gols adversários. Contra o Paraná, o goleiro Simão fez ao menos duas defesas difíceis. Diante do Cianorte teve pressão do rival e até bola na trave. A partida de estreia em casa, contra o Cascavel CR, não foi diferente.

"Temos que entender o que aconteceu, pois hoje [domingo] não me agradou a equipe proporcionar muitos contra-ataques para o adversário e da maneira que foi. Poderia ter causado um ou dois gols, pois o Cascavel teve chances. Se a gente continuar proporcionando essas situações, uma hora esse número vai ser vazado. Em compensação, se a gente ajustar o que está errado, podemos passar a competição sem tomar muitos gols", afirma.

E o Operário tem se notabilizado como uma equipe quase intransponível nos últimos anos. Para se ter uma ideia, o goleiro Simão, que está no clube desde 2016, já disputou 79 partidas oficiais com a camisa alvinegra, sofrendo apenas 48 gols.

"Não tomar muitos gols passa uma segurança para todo mundo: torcedor, direção e imprensa. Ter uma equipe que toma poucos gols facilita o trabalho e dá confiança. Estou feliz por esse momento, mas sabendo que precisamos melhorar", conclui Gersinho.

Seja sócio-torcedor do Operário

https://www.netesporteclube.com.br/artigo/Operario/7339/mesmo-intransponivel-no-estadual-gersinho-cobra-evolucao-no-sistema-defensivo-do-ofec" data-text="Mesmo intransponível, Gersinho cobra evolução no sistema defensivo do OFEC">
PublicidadeNEC
PublicidadeNEC

Última Partida

Paranaense - 10/02/19 17:00 - Germano Krüger

OFEC OFEC
CFC

Próxima Partida

Paranaense - 17/02/19 17:00 - 14 de Dezembro

TOL

X

OFEC OFEC

Paranaense - Grupo A

Classificação P J V SG
Toledo 10 6 2 3
Operário Ferroviário E.C. Operário Ferroviário E.C. 9 6 2 2
Maringá 9 6 2 1
Londrina 8 6 2 1
Athletico-PR 8 6 2 1
Foz do Iguaçu 1 6 0 -13
PublicidadeNEC

MAIS NOTÍCIAS

TV NEC

RÁDIO NEC

PublicidadeNEC
PublicidadeNEC

REDES SOCIAIS