PublicidadeNEC

Arbitragem relata estouro de bomba e 'conflito entre torcedores' na súmula

Confusão ocorreu no primeiro tempo da partida no Germano Krüger

Por: Felipe Gustavo em 11/03/2019 06:37:17 atualizado em 11/03/2019 07:12:26

Arbitragem relata estouro de bomba e 'conflito entre torcedores' na súmula

Grupo de torcedores do Londrina tentou invadir o lado oposto da arquibancada no Germano Krüger; jogo foi paralisado - Imagem: Reprodução

Arbitragem relata estouro de bomba e 'conflito entre torcedores' na súmula
PublicidadeNEC

O princípio de confusão entre torcedores de Londrina e Operário Ferroviário, no Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa, foi anotado pelo árbitro José Mendonça da Silva Junior na súmula da partida - válida pela primeira rodada da Taça Dirceu Krüger. A cena ocorreu ainda no início do jogo, quando um grupo de torcedores do Tubarão chegou em Vila Oficinas e atirou objetos para o lado oposto. A arbitragem também relatou o estouro de uma bomba.

"Aos 9 minutos do 1º tempo houve o estouro de uma bomba na torcida mandante, não houve a necessidade de parar a partida e não nos foi apresentado o boletim de ocorrencia do autor. Aos 11 minutos do 1º tempo após ser alertado pelos atletas de ambas as equipes paralizei novamente a partida devido a um conflito entre torcedores do Operario FEC x Londrina EC. A paralizaçao durou cerca de 2 minutos e o conflito foi contido pelo policiamento. Após autorização do comandante TEN Paulo Ramos, reiniciei a partida que prosseguiu normalmente. (sic)", escreveu o árbitro.

Por conta do relato, o caso pode ser apreciado pelo Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-PR) nas próximas semanas. Vale lembrar que um episódio parecido ocorreu no intervalo do confronto entre Operário e Coritiba, pela última rodada da Taça Barcímio Sicupira, também no Germano Krüger. Naquele dia, um torcedor do Fantasma ficou ferido por uma bala de borracha. A situação não foi relatada em súmula.

Depois disso, a direção alvinegra atendeu um pedido da Polícia Militar e aumentou a separação entre o corredor de chegada dos visitantes e as arquibancadas. Uma nova barreira foi erguida. A estrutura não evitou o conflito, que também aconteceu na divisória entre as torcidas (já nas arquibancadas). Vários torcedores do Londrina deram chutes na barreira de proteção e tentavam invadir o lado oposto. O controle só existiu com reforço do efetivo da PM.

Pelas redes sociais, o perfil Ofec News - controlado por torcedor do Fantasma - relatou e opinou: "Presenciamos a torcida visitante chegando tacando bombas e pedras na torcida do Operário novamente [...] o que adianta não ter contato visual e levar bomba e pedrada estando desavisado? [...] Enquanto não fecharem por cima o corredor dos visitantes, continuaremos vendo esse tipo de situação lamentável".

VEJA O MOMENTO DA TENTATIVA DE INVASÃO

https://www.netesporteclube.com.br/artigo/Operario/7593/arbitragem-relata-estouro-de-bomba-e-conflito-entre-torcedores-na-sumula" data-text="Arbitragem relata estouro de bomba e 'conflito entre torcedores' na súmula">