PublicidadeNEC

Operário volta à Série B após 28 anos; relembre como foi a última participação

Time de Vila Oficinas esteve na 2ª Divisão Nacional na década de 1990

Por: Raylane Martins em 23/04/2019 07:24:27 atualizado em 23/04/2019 08:10:45

Operário volta à Série B após 28 anos; relembre como foi a última participação

Na década de 1990, quando a CBF cancelou a realização da Série C, o Operário Ferroviário jogou a 2ª Divisão do Brasileiro - Foto: Arquivo Pessoal

Operário volta à Série B após 28 anos; relembre como foi a última participação
PublicidadeNEC

Quase três décadas separaram o Operário Ferroviário de um Campeonato Brasileiro da Série B. A vitória sobre o Santa Cruz, no dia 26 de agosto de 2018, pelas quartas de final da Série C, marcou a história do clube que, além de voltar à Segunda Divisão Nacional, alcançava o segundo acesso consecutivo no futebol brasileiro.

Oito meses depois, também num dia 26, o Operário acaba com a ansiedade alvinegra e dá a largada na Série B. Desta vez, em um formato muito diferente daquele vivenciado em 1991. Trechos do livro ‘Imortal Operário Ferroviário’, de autoria do Dr. Ângelo Delfino, relatam que o time alcançou a Série B naquele momento por conta de uma decisão da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) que suspendeu a Série C daquele ano.

“Com isso inchou a Série B. Ela foi jogada no primeiro semestre, passando de 24 participantes em 1990 para 64 integrantes em 1991”, explica Ângelo no livro. Eram oito grupos jogando turno e returno. Avançavam somente os dois melhores de cada chave. Na sequência, os 16 times se enfrentavam em mata-mata até a final.

O livro também conta que, na Série B de 1991, o Fantasma esteve no mesmo grupo dos paranaenses Londrina e Maringá, além de Bangu (RJ), Campo Grande (RJ), Ubiratan (MS), Juventus (SP) e São José (SP). O Operário não avançou para a segunda fase e terminou o campeonato na 29ª colocação geral entre os 64 times.

“Esses 28 anos que separam a última vez que o Operário disputou a Série B mostram bem a evolução e a profissionalização do futebol brasileiro no período, tanto em respeito aos regulamentos da competição quanto à estrutura apresentada pelos clubes. Agora, em 2019, o Operário encontra um cenário bem mais equilibrado na Série B, neste que seja, talvez, o campeonato mais difícil que o Fantasma disputará em seus quase 107 anos de vida”, destaca Ângelo.

Jogador referência na história do Alvinegro, Chicão Paraná - conhecido por ser um dos nomes que mais atuou pelo clube até hoje - falou com a equipe do Net Esporte Clube e destacou o crescimento do time neste intervalo, principalmente quanto à gestão de recursos e à estrutura oferecida aos jogadores e demais profissionais.

“A diferença para hoje é basicamente a parte financeira e as condições de trabalho. Apesar do time ser bom, a estrutura era precária naquela época”, relembra. “Tenho todos os meus jogos pelo Operário anotados num caderno”, conta o ex-jogador.

Segundo ele, naquele ano foram 14 jogos, sendo 5 vitórias, 5 derrotas e 4 empates. Mesmo após deixar os gramados, Chicão continua acompanhando o Fantasma e não perde um jogo sequer.   

O Operário Ferroviário volta à Série B do Brasileirão nesta sexta-feira (26). O jogo contra o América-MG começa às 19h15, no Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa.

https://www.netesporteclube.com.br/artigo/Operario/7820/operario-volta-a-serie-b-apos-28-anos--saiba-como-foi-a-ultima-participacao" data-text="Operário volta à Série B após 28 anos; relembre como foi a última participação">
PublicidadeNEC