Marcelo se adapta ao estilo do Operário e enfatiza entrosamento da equipe

Meia diz que consegue entregar o que Gersinho pede aos jogadores

Marcelo se adapta ao estilo do Operário e enfatiza entrosamento da equipe

Novo dono da camisa 10, Marcelo deve ser titular pelo terceiro jogo; meia já se adaptou à formação tática da equipe - Foto: José Tramontin/Operário

PublicidadeNEC

Após três jogos oficiais pelo Operário Ferroviário, o meia Marcelo assumiu de vez a titularidade e a camisa 10 do Fantasma. Vindo da Série C pelo Volta Redonda (RJ), o jogador garante que já se adaptou ao estilo adotado pelo alvinegro para a disputa da Série B. Com ritmo de jogo e condição física em 100%, Marcelo deve ser, mais uma vez, o dono da ‘10’ contra o Botafogo (SP).

Para o jogador, a adaptação ao esquema do time foi um processo natural e, mesmo em pouco tempo, diz já cumprir o que Gersinho pede aos jogadores. “Eu particularmente já estou conseguindo pegar o que ele quer, as movimentações que ele gosta que eu faça. Estou assimilando bem. Agora é continuar trabalhando forte pra que isso só melhore”, frisa.

No último jogo contra a Ponte Preta, o Operário atuou na formação 4-4-2, diferente do que fez nos outros três jogos. Com a saída de Marcelo para a entrada de Uilliam em Campinas, o Fantasma adotou o esquema tático antigo.

Com o meio bem abastecido, o Alvinegro busca chegar com a bola mais ao ataque e aumentar a chance de gols. Com a possibilidade da volta de Schumacher no lugar de Bruno Batata, Marcelo diz não ter diferença para as suas jogadas. “Pra mim é indiferente. Eles têm características diferentes, mas depende de como vem o adversário também”, avalia.

Apesar da possível mudança, o entrosamento da equipe permanece. “A cada jogo a gente vai conhecendo melhor o companheiro, vamos aprimorando no dia a dia”, assegura Marcelo.

O Operário enfrenta neste sábado (25) a equipe do Botafogo (SP), no Germano Krüger. O Fantasma precisa da vitória para sair da 17ª posição - primeira da Zona de Rebaixamento da Série B. O Botafogo é o 3° colocado, atrás apenas de Bragantino e Londrina (1° e 2°, respectivamente).

Compartilhe essa notícia com seus amigos!