Gersinho se mostra satisfeito com empate: 'precisávamos pontuar fora'

Técnico do Operário fala em decisões erradas do elenco, mas valoriza resultado

Gersinho se mostra satisfeito com empate: 'precisávamos pontuar fora'

Em Sorocaba, Operário e São Bento empataram em 1 a 1 pela 11ª rodada do Brasileirão da Série B - Foto: José Tramontin/ OFEC

PublicidadeNEC

O Operário Ferroviário empatou com o São Bento pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, em Sorocaba. A equipe de Vila Oficinas segue sem vencer fora de casa e, com este resultado, desceu na classificação - agora, com 14 pontos, está na 12ª posição da tabela. Mesmo assim, o resultado mantém a equipe sem derrotas após a Copa América. 

Para o técnico Gerson Gusmão, o essencial foi ter somado um ponto fora de casa. Nas substituições ao longo do jogo, o treinador optou por atletas de característica defensiva, justamente para não correr o risco de tomar o gol. O Operário acabou finalizando pouco - seis vezes, enquanto o São Bento finalizou 16, segundo estatísticas do Footstats.

"Aqui é difícil de jogar, e o empate tem que ser valorizado. Não deu pra ganhar, leva um pontinho pra casa que vai fazer a diferença lá na frente. Nós precisávamos pontuar fora, foi importante para o crescimento e a maturidade da equipe dentro da competição", avalia o comandante. 

"Fizemos um jogo de posicionamento bom, mas tivemos erros. Acabamos pagando caro. Tivemos um jogo de grandes situações de gols, mas acabamos tomando a decisão errada em alguns lances", avaliou o técnico sobre a formação.

Comparando os times titulares que enfrentaram o CRB e o São Bento, a única mudança no Operário foi a entrada de Serginho Paulista, que recebeu elogios de Gerson ao fim do jogo. Segundo ele, a opção de poupar Jardel foi em razão da quilometragem percorrida pelo atleta nos últimos jogos - descansado, deve voltar à titularidade na sexta-feira (26), quando o Fantasma enfrenta o Coritiba no Germano Krüger.   

 

Compartilhe essa notícia com seus amigos!
PublicidadeNEC