Operário vai emprestar Simão por um ano e receber já valor por cessão

Clube pode lucrar ainda mais caso time português opte por compra definitiva

Operário vai emprestar Simão por um ano e receber já valor por cessão

O goleiro do Operário, Simão, deve se despedir da camisa Alvinegra na partida em que comemora 100 jogos - Foto: José Tramontin/ OFEC

PublicidadeNEC

O goleiro do Operário Ferroviário, Simão Bertelli, será emprestado para o Paços de Ferreira, de Portugal, nos próximos dias. O empréstimo tera ônus e encargos próprios, ou seja, o Operário receberá retorno financeiro pelo empréstimo.

O presidente do Grupo Gestor, Álvaro Góes, confirmou a negociação e disse que Simão só deixaria o clube se o time português concordasse com os valores definidos. Informações dão conta de que, no contrato do arqueiro com o Fantasma, a multa rescisória era de 2,5 milhões de euros, mas houve negociação entre as partes.

O empréstimo de Simão será até junho do próximo ano e o Paços de Ferreira ainda terá a opção de decidir pela compra do atleta até 15 de janeiro de 2020, o que pode render mais lucros ao time de Vila Oficinas. No acordo, o Operário ficará com 20% do passe do jogador. 

* Com colaboração de Emmanuel Fornazari

HISTÓRICO

Simão completa, nesta sexta-feira (26), no embate entre Operário e Coritiba, 100 jogos com a camisa Alvinegra (veja a coluna de Felipe Gustavo). Ele foi contratado em 2016, para jogar a Taça FPF Sub-23 pelo clube ponta-grossense. A partir daí, ajudou o Operário a conquistar o título da Taça e, nos anos seguintes, os títulos de Campeão Brasileiro das Séries D e C, tendo apresentações determinantes nos resultados da equipe e chegando a ficar conhecido como 'São Simão'. 

Em 2019, o atleta atuou em todos os jogos oficiais do Fantasma até o momento. Nas 99 partidas que jogou, venceu com a equipe em 59, empatou 24 vezes e participou de 16 derrotas, sofrendo 68 gols, média inferior a um por partida.

 

Compartilhe essa notícia com seus amigos!
PublicidadeNEC