Tudo o que você precisa saber sobre Criciúma x Operário pela Série B

O OFEC ainda não venceu fora de casa; o Tigre não vence na 'B' há 4 jogos

Tudo o que você precisa saber sobre Criciúma x Operário pela Série B

Índio é uma das mudanças do Operário para esta rodada, já que volta de suspensão; Fantasma busca resultado fora - Foto: José Tramontin/ OFEC

PublicidadeNEC

Operário Ferroviário e Criciúma se enfrentam neste sábado (3) na cidade de Criciúma, em Santa Catarina, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. As duas equipes chegam de derrota e tiveram um intervalo de apenas três dias entre a 13ª e a 14ª rodada. A bola rola para Criciúma x Operário às 16h30, no Estádio Heriberto Hülse. 

Na última terça-feira (30), o Operário perdeu para o Atlético Goianiense de virada por 4 a 2 no Estádio Antônio Accioly. A equipe chegou a sentir o gosto da primeira vitória fora de casa no 1º tempo da partida, com dois gols a frente, mas o resultado escapou. No dia seguinte, o elenco já seguiu viagem - foi até Florianópolis e, logo depois, pegou um ônibus para Criciúma, onde treinou na quinta (1) e na sexta-feira (2). 

Já o Criciúma enfrentou, também na terça-feira (30), o São Bento. Em Sorocaba, o time catarinense perdeu por 1 a 0 e agora beira a zona de rebaixamento, na 16ª colocação da tabela. São 12 pontos somados em três vitórias, quatro empates e seis derrotas. Ao retomar os trabalhos depois da derrota, o elenco do Tigre treinou dois períodos no Centro de Treinamento Antenor Angeloni. 

Na tabela, o alvinegro tem só três pontos a mais que o adversário. Com quinze pontos, o Operario é o 13º na classificação. A equipe conseguiu se manter na mesma posição apesar do último resultado. O problema é que, sem nenhuma vitória fora, o Fantasma é o pior visitante da Segunda Divisão Nacional. 

Em casa, o Criciúma venceu dois dos seis jogos disputados pela Série B. Há quatro rodadas sem vitórias, o Tigre precisa do resultado para se afastar da zona de rebaixamento, podendo saltar até três posições e passar, inclusive, o Operário.

Em relação ao último jogo, o Operário deve ter mudanças devido ao retorno de Índio e Marcelo, que ficaram fora da partida em Goiânia - suspensos por cartões amarelos. A informação é de que Jardel e Serginho Paulista teriam retornado à Ponta Grossa para dar lugar aos dois atletas entre os relacionados. O Operário não divulga lista de relacionados para os jogos. Desse modo, a formação tática do Fantasma também muda - a equipe deixa de jogar com três volantes e apresenta, novamente, um meio-campo no 4-4-2. 

Na escalação do Criciúma, o técnico Gilson Kleina também precisará fazer duas modificações. Marcos Vinícius, lateral direito, teve uma lesão na posterior da coxa direita no embate contra o São Bento. O lateral esquerdo, Marlon, tomou o terceiro cartão amarelo e cumpre suspensão.

RETROSPECTO 

A história leva a seis ocasiões onde Operário e Criciúma se enfrentaram. Os números mostram equilíbrio - duas vitórias do Operário, duas vitórias do Criciúma e dois empates. O encontro mais recente entre as equipes foi em 2016, pela Copa do Brasil. No Majestoso, o duelo terminou em 1 a 1. Gersinho já era o comandante do time de Vila Oficinas neste período. 

INGRESSOS 

Os ingressos de Criciúma e Operário custam 50 reais (inteira) e 25 reais (meia) tanto para a arquibancada geral quanto para a torcida visitante. Mil ingressos de arquibancada estão sendo vendidos por 20 reais. Para comprar por este preço, o torcedor precisa levar cinco Timemanias com o Criciúma como time do coração. Os bilhetes podem ser adquiridos na bilheteria anexa ao Estádio Heriberto Hülse no dia do jogo, das 14h30 às 17h15.

TRANSMISSÃO 

A transmissão de Criciúma e Operário será feita por duas rádios de Ponta Grossa: Rádio Difusora, na frequência 105.9, e Rádio Clube, na frequência 94.1. O Canal Premiere, que é detentor dos direitos de transmissão de imagens, também transmitirá o jogo.

TEMPO REAL

Acompanhe a descrição da partida minuto a minuto pelo tempo real do Net Esporte Clube. O #trNEC estará disponível pelo Twitter (@netesporteclube) e no site.

ESCALAÇÕES PROVÁVEIS 

Criciúma: Luiz; Maicon, Sandro, Darlan, Caíque; Adilson Goiano, Liel, Wesley; Reinaldo, Léo Gamalho e Reis. Técnico: Gilson Kleina

Operário: André Luiz; Mailton, Lázaro, Rodrigo e Peixoto; Chicão, Índio, Marcelo e Cleyton; Felipe Augusto e Bruno Batata. Técnico: Gerson Gusmão

Desfalques: Uilliam, Rafael Chorão, Thiago Braga, Lucas Gaúcho, Robinho e Sosa (Operário); Marcos Vinicius e Marlon (Criciúma)

Arbitragem: Gilberto Rodrigues Castro Junior (PE), auxiliado por Clovis Amaral da Silva (PE) e Francisco Chaves Bezerra Junior (PE)

Compartilhe essa notícia com seus amigos!
PublicidadeNEC