Operário pode substituir jogadores para inserir contratados no BID até outubro

Entenda como funciona a janela de contratações na Série B

Operário pode substituir jogadores para inserir contratados no BID até outubro

O técnico Gerson Gusmão, ao lado da diretoria, avalia possíveis reforços para a sequência da Série B - Foto: José Tramontin/ OFEC

Encerra nesta sexta-feira (30), o prazo do Operário Ferroviário para o Operário atingir o máximo de novas inscrições para a Série B do Campeonato Brasileiro. Todos os atletas - sendo 40 o número limite  - devem estar publicados no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF até o último dia útil anterior ao início da 20ª rodada.

Depois do início do 2º turno, o Operário não poderá mais inscrever novos jogadores, mas terá até o dia 7 de outubro para fazer substituições. Dentre os inscritos, pode alterar dez nomes. Assim, os registros de Dione, Xuxa, Lucas Gaúcho e Simão, por exemplo, podem ser trocados por outros nomes até a data final. 

Essa alternativa tranquiliza a diretoria e a comissão técnica do Fantasma, que perdeu Lucas Gaúcho recentemente e ainda espera atletas da Série C, que avançaram na primeira fase. O time ainda tem a opção de utilizar até dez atletas da base que tenham nascido a partir de 1999. Os atletas também precisam estar inscritos no campeonato até o dia 7 de outubro, conforme a orientação do regulamento do campeonato.

Segundo o Presidente do Grupo Gestor do Operário Ferroviário, Álvaro Góes, além de Cassio Ortega - apresentado nesta quarta-feira (28) - outros atletas devem chegar ao clube até o próximo sábado (31), quando o Fantasma enfrenta o América-MG na primeira rodada do segundo turno.

Compartilhe essa notícia com seus amigos!