PublicidadeNEC

Arrecadação média do Operário por jogo aumenta 8% da Série C para a B

O número de sócios cresceu, mas o clube perdeu muito na venda de ingressos

Por: Raylane Martins em 26/10/2019 09:30:00 atualizado em 26/10/2019 18:56:33

Arrecadação média do Operário por jogo aumenta  8% da Série C para a B

A política de preços de ingressos do Operário na Série B visa beneficiar e impulsionar o programa de sócio-torcedor - Foto: João Vitor Rezende

Arrecadação média do Operário por jogo aumenta  8% da Série C para a B
PublicidadeNEC

A média de público do Operário Ferroviário com o acesso da Série C para a Série B nos jogos em casa foi de 3212 pessoas nos nove jogos da primeira fase da Série C de 2018 no Germano Krüger para 4409 pessoas nos 15 jogos da Série B em Ponta Grossa até o momento. O número de associados ao Programa Sócio Fantasma da Vila aumentou, e o número de sócios presentes por jogo também cresceu. No entanto, a venda de ingressos diminuiu 78% de 2018 para 2019. 

Qual o impacto financeiro dessa diminuição? A média de ingressos vendidos a 80 reais (inteira) e 40 reais (meia) na arquibancada geral foi de 411 por partida na primeira fase da Série C. Até o momento, neste ano, na Segunda Divisão Nacional, a média de bilhetes unitários vendidos para não-sócios é de 91 por jogo, custando 150 reais (inteira) e 75 reais (meia). 

O Operário arrecadou em média 48.962 reais na primeira fase da Série C de 2018. Desse total, a média de faturamento em ingressos vendidos para não-sócios, por jogo, foi de 20.956 reais. Ou seja, o clube ganhava cerca de 21 mil reais por jogo vendendo ingressos de entrada inteira e meia-entrada para arquibancada geral e coberta. Enquanto isso, os cerca de 3212 sócios presentes em cada partida geraram arrecadação média de 28 mil reais por jogo. 

Nas 15 partidas da Série B que aconteceram no Germano Krüger até o momento, o Operário faturou em média 53.438 reais por jogo. Desse total, apenas 8.730 reais vieram de ingressos unitários vendidos para não-sócios. 

Nesse sentido, o Operário teria deixado de ganhar 12 mil reais por jogo em venda de ingressos. O incremento no número de sócios-torcedores, contudo, eleva a arrecadação média com associados por jogo de 28.005 reais em 2018 para 42.577 reais em 2019. Somando as entradas de ingressos e sócios, a média de arrecadação do Operário no GK, de 48 para 53 mil, representou aumento de apenas 8% mesmo com a ascensão de divisão.

https://www.netesporteclube.com.br/artigo/Operario/8933/arrecadacao-media-do-ofec-por-jogo-aumentou-apenas-8-da-serie-c-para-a-b" data-text="Arrecadação média do Operário por jogo aumenta 8% da Série C para a B">