PublicidadeNEC

Operário perde para o Vitória na despedida do GK na temporada

Fantasma sai atrás, busca o empate, mas sofre o segundo gol ao final da partida

Por: Redação NEC em 20/11/2019 00:01:27 atualizado em 20/11/2019 09:50:57

Operário perde para o Vitória na despedida do GK na temporada

Golaço de falta de Thiago Carleto decreta vitória e garante permanência da equipe rubro-negra na Série B. - Foto: João Vitor Rezende.

Operário perde para o Vitória na despedida do GK na temporada
PublicidadeNEC

Na noite desta terça-feira (19), Operário e Vitória se enfrentaram pela 37ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro no Estádio Germano Krüger. O Fantasma saiu atrás no placar, buscou o empate no gol de Allan Vieira, mas sofreu o segundo gol aos 50’ da segunda etapa e foi derrotado por 2 a 1 para o Vitória. Com o resultado, o Fantasma segue com 49 pontos, na 9ª colocação da tabela. Enquanto o Vitória garante a permanência na Série B, com 45 pontos, na 11ª colocação.                      

1º TEMPO

A partida iniciou com pouca intensidade das equipes. O baixo volume de jogo e os lançamentos feitos pelas duas equipes ocasionaram no grande número de impedimentos no início da primeira etapa, foram seis antes dos 10 minutos de jogo.  Sem criatividade, as jogadas não progrediam no ataque.

Aos poucos, as equipes tentavam sair para o ataque, mas sem efetividade. Até os 20’, nenhum ataque concreto foi feito pelas equipes. A partida só começou a ter mais emoção aos 23’, com o gol do Léo Gomes para o Vitória. O volante não desistiu da jogada e após bate rebate, não desperdiçou a chance e abriu o placar da partida.  

Após o gol, o Fantasma passou a avançar mais em busca do empate, mas mesmo assim não deu trabalho para Martín Rodríguez. Os erros de passes e insistência nos lançamentos dificultavam na criação das jogadas do time alvinegro. Até os 30’, o confronto tinha apenas três chances de gol, todas da equipe rubro-negra.  

O Fantasma cresceu na partida e chegou ao ataque em disputa na área de Allan Vieira, que pediu pênalti no lance, mas a arbitragem mandou seguir, aos 42’. Mas foi dos pés do próprio jogador que o Fantasma chegou ao empate. O lateral alvinegro carregou e cruzou rasteiro para Lucas Batatinha, mas o desvio tirou Martín da jogada e foi para o fundo das redes, aos 45’. 

2º TEMPO

Diferente da primeira etapa, o Fantasma conseguiu as melhores chances da partida no segundo tempo. Mesmo assim, a primeira chegada com perigo foi da equipe rubro-negra. Thiago Carleto cobrou falta, André Luiz deu o rebote e Lucas Cândido completou, mas o lance estava irregular.

Para a segunda etapa, o técnico Gersinho colocou Schumacher no lugar de Uilliam e foi dos pés do centroavante que veio a resposta do Fantasma. Após receber passe de Cleyton, Schumacher dominou no peito e soltou uma bomba. O goleiro Martín Rodríguez impediu a virada do Fantasma, aos 6’.

A equipe alvinegra aumentou o volume de jogo e conseguiu chegar ao ataque em busca da virada. Mais uma vez Martín salvou o time do Vitória. Rafael Chorão cobrou falta na medida para Alisson, que desviou de cabeça e parou na defesa do goleiro adversário.

Com pouca movimentação, a equipe do Vitória fez um segundo tempo fraco tecnicamente. O time rubro-negro teve dificuldade na armação das jogadas ao longo de toda etapa. Quando a partida estava com indícios que iria terminar empatada, Thiago Carleto cobrou uma falta precisa, sem chances para André Luiz e decretou a vitória rubro-negra na partida aos 50’ da etapa final.

PRÓXIMO JOGO

Para fechar a participação na Série B, o Operário encara o Figueirense na próxima rodada. O confronto da 38ª rodada está marcado para sábado (30), no Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, às 16h30.

FICHA TÉCNICA

Operário: André Luiz; Mailton (Jean Carlo), Alisson, Lázaro e Allan Vieira; John Lennon, Índio, Marcelo; Uilliam (Schumacher), Cleyton (Rafael Chorão) e Lucas Batatinha.

Técnico: Gerson Gusmão

Vitória: Martín Rodríguez; Van, Everson Sena, Ramon e Thiago Carleto; Léo Gomes, Lucas Cândido e Baraka; Eron (Felipe Garcia), Wesley e Anselmo Ramon.

Técnico: Geninho 

 

Cartões amarelos: Mailton, Índio (OFEC); Léo Gomes, Eron, Lucas Cândido (VIT)

Local/Data: Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa (PR) | 19/11/2019

Público pagante: 3.526

Público total: 4.100

Renda: R$ 40.475,00

Árbitro: Diego da Silva

Assistentes: Cleriston Clay Barreto Rios e Rodrigo Guimarães Pereira

https://www.netesporteclube.com.br/artigo/Operario/9063/operario-perde-para-o-vitoria-na-despedida-do-gk-na-temporada" data-text="Operário perde para o Vitória na despedida do GK na temporada">