Operário cria cargo e encaixa analista de desempenho na comissão técnica

Fantasma vai explorar nova função a partir da temporada 2020

Operário cria cargo e encaixa analista de desempenho na comissão técnica

Nikolas Trevizo já atuou no Londrina e agora assume função importante no Operário Ferroviário - Foto: Arquivo Pessoal

PublicidadeNEC

O Operário Ferroviário tem um novo integrante na comissão técnica. Nikolas Trevizo, de 24 anos, será o analista de desempenho do clube na temporada 2020. Ele assume um cargo recém-criado em Vila Oficinas. Natural de Marília (SP), o profissional já atuou no Londrina em anos anteriores.

Mas o que faz exatamente um analista de desempenho? Nikolas detalhou a função em seu primeiro pronunciamento no clube alvinegro. "A função do analista é dar informações que sejam necessárias à comissão técnica para que ela tome as melhores decisões tanto no processo de treino quanto no processo de jogo", resume.

Na prática, o novo profissional do Fantasma vai precisar coletar diferentes dados dos jogadores e fazer estudos em cima deles. Esses números vão gerar informações e possíveis conclusões que serão utilizadas pelos outros integrantes da comissão, principalmente o treinador.

A análise de desempenho vem ganhando um espaço significativo no futebol brasileiro, pois os dados coletados podem dizer muito sobre o rendimento tático e técnico da equipe ao longo de uma competição. Ao analista cabe repassar essas informações ao treinador, dando indicativos. O técnico assume a responsabilidade de tomar a decisão.

"Eu também vou ser responsável aqui no Operário pelo estudo de adversários. Vamos estudar os rivais do Campeonato Paranaense, Copa do Brasil e Série B. A tarefa é mapear como as outras equipes jogam para prepararmos o nosso time da melhor forma possível", conclui Trevizo.

Compartilhe essa notícia com seus amigos!