'Talvez a pior apresentação no campeonato', lamenta Gerson Gusmão

Após derrota para o Paraná, Gerson admitiu má 'postura' e erros técnicos

'Talvez a pior apresentação no campeonato', lamenta Gerson Gusmão

Treinador do Operário, Gerson Gusmão não gostou do que viu na Vila Capanema - Foto: João Vitor Rezende

PublicidadeNEC

"Nosso torcedor tem o direito de estar triste, estar chateado. Fizemos talvez a pior apresentação no campeonato, mas vamos retomar. Temos jogo já na próxima semana e vamos buscar a vitória fora de casa": assim o técnico do Operário Ferroviário, Gerson Gusmão, resumiu a análise do duelo entre Paraná Clube e Operário pelo Campeonato Paranaense. A principal dificuldade do time, na visão do treinador, foi tecnicamente. 

"Jogamos mal, melhoramos na parte final, mas hoje o nosso jogo foi muito ruim tecnicamente. Erramos praticamente o dobro de passes que a média e quando se erra mais de 50 passes não tem como jogar futebol. Também perdemos no combate. Em outros jogos quando estivémos abaixo tecnicamente conseguimos lutar mais, brigar mais, ser mais competitivo", avaliou Gersinho. O técnico lamentou a pouca 'entrega' do time em algumas situações, desde a etapa inicial.

"Hoje o adversário entrou querendo mais que a gente, buscando mais. Não é o Operário que gostamos de ver e que temos por hábito ver. Aceitamos muito esse jogo" Gerson Gusmão

Perdendo por 1 a 0 na Vila Capanema, o Operário desceu uma posição na tabela e perdeu a chance de beirar a liderança. Na próxima rodada, o alvinegro tem mais um jogo fora de casa, contra o União, às 16 horas de sábado (22). 

"Efeitos não terá, mas temos uma decepção por ter a possibilidade [de terminar a rodada no topo da classificação] se tivéssemos feito um jogo um pouco melhor e vencido. Mas são coisas do futebol, temos que ter tranquilidade nos momentos ruins e serenidade nos momentos bons. Foi um dia ruim que as coisas não aconteceram e temos que procurar assimilar isso, corrigir. Voltamos a tomar um gol muito parecido com o que tomamos em Cascavel e não pode mais acontecer, foram dois gols que custaram duas derrotas na competição", reconhece Gersinho. 

Compartilhe essa notícia com seus amigos!