Operário vence o Londrina e termina o 1º turno do Estadual em 4º lugar

Lucas Batatinha marcou aos 39' do 2º tempo para dar a vitória ao Fantasma

Operário conquistou a vitória no segundo tempo do jogo - Foto: Gustavo Oliveira/ LEC

O Operário Ferroviário voltou a vencer no Campeonato Paranaense. No Estádio do Café, o Fantasma bateu o Londrina na tarde deste domingo (15), por 1 a 0. Rodrigo Viana, com defesas importantes, e Lucas Batatinha, com gol aos 39 minutos do 2º tempo, foram os protagonistas. Com o resultado, o Operário terminou o primeiro turno do Estadual entre os quatro primeiros e pegará o Cianorte nas quartas de final.

1º TEMPO

O Operário tinha mudanças no meio e no sistema ofensivo: Jardel não retornou a formação titular e Rafael Chorão ganhou oportunidade; Pablo, contratado inicialmente como um lateral-direito, vestiu a camisa 11; o ataque ficou com Jefinho e Douglas Coutinho. As apostas não pareceram surtir efeito na primeira etapa.

O Londrina, com atletas da base e um time jovem em campo, tinha velocidade, começou melhor, com mais movimentação e chegando mais vezes ao ataque. Ruster deu trabalho ao zagueiro Sosa várias vezes. O Operário apareceu apenas em contra-ataques, mas nada que assustasse o goleiro Maltos, do Londrina.

Aos 15 minutos, Pastor arrancou com velocidade e, livre, cruzou para o gol. Rodrigo Viana, no susto, conseguiu espalmar. A bola voltou e, com Felipe Camillo, o Londrina teve uma segunda oportunidade, mas o atleta não conseguiu balançar as redes. Jefinho até tentou responder na sequência, mas Douglas Coutinho entrou na área para ajudar e estava em posição de impedimento, fazendo com que a arbitragem parasse o lance.

Nos minutos finais, Douglas Coutinho saiu, deu chapéu e disparou em direção ao campo ofensivo, mas acabou perdendo a bola. Como o time alvinegro não se encontrava e não surpreendia o rival, e do outro lado o Londrina pecava no último passe e deixava a desejar em criatividade, ninguém marcou. Intervalo: 0 a 0.

2º TEMPO

Com Lucas Batatinha no lugar de Douglas Coutinho, o Operário começou a etapa complementar com uma jogada ofensiva para tentar impor pressão. Lucas Batatinha deu para Rafael Chorão, que arriscou da entrada da área, mas a bola saiu em escanteio. Logo na sequência, o jogo voltou a ficar morno.

O Londrina também tinha dificuldades, mas seguia com mais volume ofensivo. Rodrigo Viana brilhou na 2ª etapa: aos 4 minutos, Luan bateu no canto esquerdo e o goleiro defendeu; aos 7 minutos, Miullen entrou no meio dos dois zagueiros do Fantasma e Viana salvou outra vez; aos 12 minutos, novamente o goleiro do Operário impediu que o Londrina abrisse o placar; e assim por diante.

Passados os 20 minutos de jogo, Jefinho teve duas oportunidades, mas o Londrina cortava os lances e respondia. Pastor bateu bem na bola, à meia distância, mas a defesa do Operário não deixou os donos da casa balançarem as redes.  

O gol saiu aos 39 minutos. Do setor intermediário, a bola ia de pé em pé quando o atacante Lucas Batatinha chutou forte e colocou na gaveta para deixar o Operário na frente. Aí foi só esperar o apito final. Aos 44 minutos, Igor Paixão, em bola parada, chutou em direção ao canto esquerdo da meta, mas Rodrigo Viana caiu e empurrou a bola para fora. O elenco alvinegro segurou e conseguiu a vitória: 1 a 0.

PRÓXIMO JOGO

O próximo compromisso do Operário Ferroviário pelo Campeonato Paranaense é pelas quartas de final da competição. O alvinegro, que terminou o 1º turno na 4ª posição, vai pegar o Cianorte em data ainda não oficializada.

FICHA TÉCNICA

Operário: Rodrigo Viana; Sávio, Douglas Nascimento, Sosa e Peixoto; Fábio, Cleyton, Rafael Chorão (Hector Bustamante) e Pablo (Jiménez); Douglas Coutinho (Lucas Batatinha) e Jefinho. Técnico: Gerson Gusmão.

Londrina: Maltos; Pastor, Augusto, Lucas Costa e Felipe Camillo; Rafael Assis, Ruster Santos, Luan (Júlio) e Lincon Junior (Igor Paixão); Miullen e Juan (Thiago Henrique). Técnico: Alemão.

Gols: Lucas Batatinha, aos 39’ do 2º tempo (OFEC)
Cartões amarelos: Fábio (OFEC); Luan e Miullen (Londrina)

Local/Data: Estádio do Café, em Londrina (PR) | 15/03/2020
Arbitragem: Lucas Paulo Torezin (árbitro), Luciano Roggenbaum e Paulo Gustavo Rivelini (assistentes), e Rogério Menon da Silva (4º árbitro)

Compartilhe essa notícia com seus amigos!