OFEC adota medidas de prevenção e projeta ações para volta de treinos

Clube inclui realização de testes para quem não passar por quarentena em PG

OFEC adota medidas de prevenção e projeta ações para volta de treinos

Iniciativas são encabeçadas pelo departamento médico do Fantasma - Foto: Divulgação/Operário

PublicidadeNEC

O Operário Ferroviário, através do seu Departamento Médico, do Departamento de Futebol e da Diretoria Geral, elaborou um plano de ação com informações e medidas a serem tomadas diante do coronavírus. O clube se prepara, desde já, para a retomada dos treinos presenciais, quando houver autorização médica. Por enquanto, não há previsão de retorno das atividades no clube e a equipe profissional segue com treinamento online: cada atleta realiza o treino em sua casa e a comissão técnica acompanha por chamada de vídeo.

O Operário adquiriu câmera termográfica e termômetro digital com infravermelho para a medição de temperatura corporal e oxigenação de todos que precisarem entrar no clube e utiliza tapete para sanitização dos calçados. Todos os atletas e membros da comissão técnica serão vacinados contra a H1N1. Os profissionais, bem como as pessoas que convivem diariamente com eles, também foram orientados a medir a temperatura corporal duas vezes por dia e, em caso de febre, devem informar imediatamente o Departamento Médico do clube.

O psicólogo do clube, Marcos Martinez, está realizando trabalho com o objetivo de resguardar a saúde mental dos jogadores neste período.

Os atletas devem seguir em quarentena. Em caso de retorno aos treinamentos presenciais, atletas e membros da comissão técnica que não tiverem mantido a quarentena de 14 dias em Ponta Grossa serão submetidos ao teste de diagnóstico para a COVID-19.

Quando os treinos presenciais voltarem, a programação levará em conta distanciamento, medidas de higienização dos instrumentos, não compartilhamento de materiais, grupos reduzidos no mesmo tempo e intervalo de 10 minutos entre o treinamento de um grupo e outro para higienização dos materiais utilizados. As atividades acontecerão preferencialmente em campo, em céu aberto e, se houver necessidade de atividades em ambiente interno, será com ampla circulação de ar.

Os atletas receberão nesta semana kits de higiene com álcool em gel, álcool 70 e uniformes de treino, que a partir de agora ficarão sob responsabilidade dos atletas. No retorno, todos devem sair de casa trocados e utilizar máscaras no deslocamento casa-clube-casa e nas dependências comuns do clube. Os jogadores também deverão manter distância mínima de 2 metros durante os treinamentos, higienizar as mãos no fim da atividade e borrifar álcool 70 nos calçados.

Os kits serão disponibilizados aos atletas nesta quarta-feira (13) por meio de drive-thru no estacionamento do clube e serão utilizados nos treinamentos em casa enquanto não há previsão para retorno das atividades presenciais.

Na manhã desta terça-feira (12), o médico e a diretoria do clube, em transmissão de vídeo, repassaram aos atletas da equipe profissional orientações sobre o enfrentamento da COVID-19 - como está o cenário local, os sintomas da doença, as formas de transmissão, o diagnóstico e as medidas de prevenção.

Neste período de isolamento social, o Operário está funcionando com trabalho em home office para a maioria dos funcionários, entrada no clube somente aos que forem autorizados pela diretoria e em caso de extrema necessidade, redução dos funcionários de manutenção para 10% do total, trabalho em escala para funcionários do Departamento de Futebol e fechamento de vestiários, refeitório e lavanderia.

Com informações de Assessoria de Imprensa Operário Ferroviário

Compartilhe essa notícia com seus amigos!