Preparador revela diferença física na volta aos treinos presenciais

Eduardo Maus falou em entrevista coletiva online nesta quinta-feira (11)

Preparador revela diferença física na volta aos treinos presenciais

Eduardo detalha a transição dos treinos online para o treinamento presencial | Foto: José Tramontin/OFEC

PublicidadeNEC

O Operário Ferroviário realizou, na tarde desta quinta-feira (11), uma entrevista coletiva online com o preparador físico do alvinegro, Eduardo Maus. O membro da comissão falou sobre a organização do time durante a pandemia de Covid-19 e a transição do treinamento online para os treinos presenciais, que começaram no dia 29 de maio. 

Eduardo Maus conta que a comissão adaptou o treinamento à distância conforme o espaço disponível para treinamento. "Primeiro nós procuramos saber o espaço que cada atleta tinha em casa, assim as atividades seriam possíveis para toda a equipe. Programamos treinamentos de força que não precisavam de muito espaço, aí enviamos a mesma quantidade de pesos para todos. Para alguns jogadores aquela carga não foi ideal, porque o porte físico de cada um é diferente, mas foi a única maneira que encontramos", relata.

Com a retomada dos treinamentos presenciais, o preparador físico afirma que alguns atletas encontraram dificuldade para restabelecer a condição aeróbica. Segundo Maus, "em casa, os jogadores trabalharam mais a força do que a corrida, já que nem todos podiam correr por conta do espaço, então alguns sentiram uma perda de desempenho na parte da condição aeróbica".

O preparador físico ainda ressalta que desde o início dos treinamentos online, a comissão técnica do Fantasma buscou definir um cronograma para a retomada das atividades presenciais. "Pensamos o treino online como uma etapa preparatória para o presencial, com um trabalho muscular mais leve à distância e, agora, mais forte presencialmente", finaliza Eduardo.

Compartilhe essa notícia com seus amigos!