Atacante do Operário, Batatinha diz que não é hora de voltar o futebol

Jogador afirma que o cuidado com a saúde é indispensável

Atacante do Operário, Batatinha diz que não é hora de voltar o futebol

Lucas Batatinha ressalta a importância de manter o ritmo até que os campeonatos retornem

PublicidadeNEC

O atacante Lucas Batatinha participou de entrevista coletiva online na tarde desta quarta-feira (1) e falou sobre os treinos presenciais do Operário, ainda realizados em grupos de seis pela pandemia da Covid-19. O jogador também analisou o cenário para a volta aos gramados nos próximos meses. 

De acordo com o atacante, os campeonatos não devem retornar tão cedo. "Ainda é o momento de ficar em casa quando possível. Continuamos com os treinamentos físicos e técnicos, com distanciamento e tomando as medidas de segurança necessárias aqui no Operário. O que precisamos fazer é nos prepararmos bem, para que quando seja liberada a volta das competições, nós estejamos aptos para jogar", comenta Batatinha.

Batatinha ainda avaliou a chegada do meia Thomaz e o lateral direito Alex Silva, que se juntaram ao Fantasma após o período de isolamento. "Como ainda não treinamos coletivamente, vai demorar um pouco para avaliarmos o entrosamento da equipe com os novos jogadores, mas os dois são muito bons e com certeza irão ajudar nessa temporada. Assim que todo o time puder treinar junto, pretendo me adaptar ao estilo de jogo deles da melhor maneira possível em campo", afirma.

As equipes classificadas para o Campeonato Paranaense e a Federação Paranaense de Futebol (FPF) haviam se reunido na sexta-feira (26) e programado a volta da competição para o próximo dia 15. Entretanto, o Governo do Estado implementou medidas restritivas em sete regiões do Paraná por 14 dias a partir desta quarta-feira (1), o que deve interferir no retorno do Paranaense.

Compartilhe essa notícia com seus amigos!