PublicidadeNEC

Futsal feminino teme que financeiro possa mudar os rumos da equipe

Perder o técnico China é uma das principais preocupações

Por: ‎Emmanuel Fornazari em 03/04/2018 22:26:18 atualizado em 08/11/2018 21:15:54

Futsal feminino teme que financeiro possa mudar os rumos da equipe
Equipe do futsal feminino tem grupo reunido há 3 anos - Foto: Arquivo Divulgação

A equipe feminina que vai representar Ponta Grossa no Futsal em 2018 já conta com novas contratações e promete grandes performances com o elenco formado. Mas nem tudo está nos eixos. Agora, o que tem perturbado as atletas é o setor financeiro do time.


 “A preocupação maior é perder o técnico China. Agora, o treinador está no comando do masculino, e terá que dividir seu tempo entre duas equipes. Como o futsal feminino contribui pouco financeiramente, pode ser que sofra mais a sua ausência”, afirma Giseli, capitã da equipe.


Além do medo de não conseguir garantir China durante toda a temporada, o Ponta Grossa Futsal feminino sofre com a falta de patrocínios e enfrenta desafios diários para manter suas atividades. A contratação de novas peças para a temporada já foi uma vitória e, segundo Giseli, o grupo tem potencial para estar entre os melhores do Paraná.


China descarta a possibilidade de deixar a equipe, mas sabe da dificuldade de recursos. "É bem verdade que estamos com problemas para fechar um patrocínio master, e isso compromete o orçamento. A preocupação da Gi é exatamente com uma continuidade da equipe. Não podemos parar, vamos em frente", defende.


Segundo o treinador, tudo está sendo ajustado para que ele possa dar conta da dupla jornada. "Mandaremos os jogos da Ouro aos domingos, já evitando um conflito de datas", exemplifica o comandante. 

https://www.netesporteclube.com.br/artigo/Ponta-Grossa/5874/Futsal-feminino-teme-que-questoes-financeiras-mudem-os-rumos-da-equipe" data-text="Futsal feminino teme que financeiro possa mudar os rumos da equipe">
PublicidadeNEC