PublicidadeNEC

Projeto Gioppo contribui para avanço técnico no tênis de mesa

Atletas ponta-grossenses têm espaço para crescimento no esporte

Por: Redação NEC em 19/04/2018 23:00:20 atualizado em 18/11/2018 22:42:16

Projeto Gioppo contribui para avanço técnico no tênis de mesa
Projeto Gioppo chegou a levar atletas para o Brasileiro em 2017 - Foto: Arquivo pessoal

Depois de um ano da criação do Projeto Gioppo em Ponta Grossa, o idealizador Fabiano Gioppo considera grande a evolução do tênis de mesa em âmbito municipal. Apesar da preparação ideal ser alcançada somente em longo prazo, o professor vê o desenvolvimento técnico dos integrantes como uma das maiores recompensas do programa.

As atividades, que começaram com apenas duas mesas disponíveis para treinamento, hoje possuem cinco. Em 2018, a iniciativa ainda se expandiu para a cidade de Castro, com cerca de 12 alunos participantes até o momento.

“A quantidade de atletas não teve um crescimento muito grande, mas esse não é o foco principal. A ideia é qualidade, justamente para verificar a evolução técnica. A minha equipe adulta ficou com o segundo lugar no ano retrasado nos Jogos Abertos, mas para isso teve anos de preparação”, lembra Gioppo sobre o trabalho.

Um dos pontos positivos de ter Ponta Grossa como palco do projeto é o número de competições que incluem a modalidade. Em 2017, o município foi sede da última etapa do Campeonato Paranaense, reunindo mais de 300 atletas. Neste ano, a competição volta a ser realizada na cidade e pode alavancar ainda mais o esporte.

https://www.netesporteclube.com.br/artigo/Ponta-Grossa/5963/Projeto-Gioppo-contribui-para-avanco-tecnico-no-tenis-de-mesa" data-text="Projeto Gioppo contribui para avanço técnico no tênis de mesa ">
PublicidadeNEC