PublicidadeNEC

Pela "Prata", PGF não cria grande expectativa de classificação

Situação desfavorável obriga equipe a manter os pés no chão

Por: Redação NEC em 24/08/2018 01:19:29 atualizado em 13/12/2018 12:20:05

Pela
Após os JAP"s, elenco treinou apenas a partir de quarta-feira - Foto: Raylane Martins

Retornando dos Jogos Abertos do Paraná (JAP"s), o Ponta Grossa Futsal (PGF) treina no Ginásio Oscar Pereira desde quarta-feira (22) pensando na próxima rodada do Campeonato Paranaense da Série Prata. Apesar de jogar em casa e com chances matemáticas de voltar ao G8 na perda de pontos do Maringá por irregularidade, a equipe não demonstra otimismo.

Pelo contrário, a postura do técnico China Malaquias reforça a consciência da equipe ponta-grossense. “Pés no chão, muita cautela. O Maringá, próximo adversário, é uma equipe experiente, que está bem na competição, e a gente vai ter que marcar muito sem nos expor tanto desordenadamente”, ressalta.

Querendo ter a torcida ao lado em Ponta Grossa, a diretoria do PGF estabeleceu que a entrada no Oscar Pereira será gratuita neste jogo. Essa é mais uma das tentativas de fazer com que a população abrace o time. Mas, para China, isso já parece distante.

“O pessoal realmente não comprou a ideia neste ano, até pelos nossos resultados que não chamaram o torcedor. A nossa diretoria acertou, mas o torcedor não está vindo e eu não acredito que venha nesse momento”, coloca o treinador.

Enfrentando o time do Maringá Seleto, o Ponta Grossa Futsal entra em quadra neste sábado (25), às 20h30. O confronto será em rodada dupla: um pouco antes, às 18h30, o Futsal Feminino joga pelo Paranaense. Os duelos ocorrem no Ginásio Oscar Pereira.

https://www.netesporteclube.com.br/artigo/Ponta-Grossa/6619/Pela-Prata-PGF-nao-cria-mais-expectativa-de-classificacao" data-text="Pela "Prata", PGF não cria grande expectativa de classificação">
PublicidadeNEC