Ponta Grossa Vôlei vota a favor para Superliga continuar suspensa

Somente duas equipes mais a comissão de atletas votaram para o encerramento

Ponta Grossa Vôlei vota a favor para Superliga continuar suspensa

Dez equipes, incluindo PG Vôlei, votaram para a Superliga continuar suspensa - Foto: Fabiana Manganotti

PublicidadeNEC

Em reunião realizada virtualmente na tarde de quinta-feira (19), a Confederação Brasileira de Voleibol (CBB) juntamente com os clubes participantes da Superliga Masculina de Vôlei 2019/2020 e com a Comissão de Atletas definiu que a competição permanece suspensa. Após a votação ficou decidido que haverá um novo encontro, novamente por videoconferência, dentro de um mês para uma segunda conversa a respeito.  

O comitê de crise da CBV apresentou a proposta de conclusão do campeonato, já que a preocupação da entidade com a saúde estaria acima de qualquer outra questão. A proposta não foi aceita pela maioria dos clubes. A entidade recomendou que os atletas sejam liberados de treinamentos e que permaneçam em casa, seguindo as recomendações das autoridades de saúde.  

As equipes Sada Cruzeiro, SESC-RJ, SESI-SP, Vôlei Renata, Fiat/Minas, Apan Blumenau, Vôlei Itapetininga, Maringá Vôlei e Ponta Grossa Vôlei votaram para a Superliga permanecer paralisada e para uma nova reunião ser realizada. A equipe de Taubaté, Ribeirão Preto e a comissão de atletas votou a favor do encerramento da temporada.  

Compartilhe essa notícia com seus amigos!
PublicidadeNEC