Novos ídolos, velhos amores

Novos ídolos, velhos amores

Ricardo Bueno e Rafael Oller comemoram gol com a camisa do Operário - Foto: André Jonsson/Operário

PublicidadeNEC

Nessa segunda (08), os jogadores e comissão técnica se reapresentaram para dar início a temporada de 2021, testes físicos e médicos sendo feitos, aquela apresentação do elenco, renovações e contratações, tudo dentro do esperado para essa temporada.

O ano de 2020 foi bastante difícil em diversos aspectos que nem cabe enumerar todos eles aqui, mas para o Operário foi um ano de fechamento de ciclos.  Alguns personagens que habitavam Vila Oficinas deram adeus à torcida e temos um Operário novo e que tem prometido muita emoção e vitórias.

Alguns nomes como Sosa, Peixoto, Gersinho e Lucas Batatinha se desligaram do Fantasma e seguiram seus rumos. Mantemos o incansável gigante Schumacher e também Jean Carlo, no mais esse time é novo, muitos jogadores ainda nem conheceram a torcida alvinegra.

E nesse ano ganhamos novos ídolos, jogadores que conquistaram nossa confiança e admiração. O zagueiro Rafael Bonfim se mostrou sinônimo de confiança, o jogador foi “eleito” o melhor do ano pela torcida, além de fazer importantes intervenções na defesa, o zagueirão também fez gols, caindo no gosto da massa alvinegra.

Se é pra falar em gol, temos que citar dois caras que fizeram do nosso segundo semestre algo incrível. Ricardo Bueno e Rafael Oller, ou melhor, Maradoller.
Ricardo Bueno foi o artilheiro do time na Série B: 9 gols em 18 jogos. O atacante de 33 anos mostra que pra faro de gol, não importa idade. Sempre bem posicionado, Bueno nos ganhou com a simplicidade de quem sabe o que está fazendo. Sem firulas ou marra, Ricardo Bueno mete gol fácil e nos enche de esperança para o resto de 2021. 

Esperança também pra sequencia de Rafael Oller, ele que quando chegou foi motivo de desconfiança de todos, ninguém sabia muito sobre ele, porém o menino entrou bem e foi decisivo em alguns jogos, mas sua marca são os belos gols que marcou na série B.

Aquele gol a lá Maradona contra o Juventude foi tudo, marcou a história do clube com um dos mais belos gols já feitos em Vila Oficinas, uma pena estar sem a torcida, imagino que o Germano iria abaixo.

Claro que além deles, tem uma ou outra peça do elenco que o torcedor se identificou, mas mesmo longe das arquibancadas, posso indicar esses três como os novos “ídolos” do Fantasma, é neles que vamos focar e cobrar também.

Mas 2021 nos trouxe um velho conhecido, repatriamos o goleiro Simão que estava jogando em Portugal. Em entrevista coletiva concedida na data de ontem (09), Simão afirmou que está pronto, fisicamente se vê disponível para a vaga de titular, mas entende que vai ter que brigar por ela.

Ter Simão novamente me enche de esperança, espero que ele volte melhor que antes e que feche esse gol! Na entrevista ele deixou claro que está em busca do título estadual, pois é o único que ele não tem no clube. Então que esse velho amor da torcida, que o trouxe de volta, nos dê essa alegria esse ano!

Com novos e velhos conhecidos, o Operário inicia a preparação pro estadual, que até o momento não terá transmissão, afastando ainda mais a torcida dos times, mas daremos nosso jeito, seja no radinho, nas escadas nos muros do Germano, nas sacadas vizinhas ou na obra ao lado!

Espero que esse elenco honre com nossas expectativas e traga ao menos um título esse ano! 

Compartilhe essa notícia com seus amigos!
Kamila Padilha

Kamila Padilha

Graduada em Direito pela Universidade Estadual de Ponta Grossa, advogada, ponta-grossense sócia de um escritório de advocacia na cidade de Curitiba, apaixonada por esportes e torcedora operariana. No Net Esporte Clube traz uma visão de torcedora, relembrando histórias e causos da arquibancada. Escreve sempre às quartas-feiras.

Assine o Clube NEC!

Colabore para manter a nossa cobertura de jornalismo independente sobre o esporte de Ponta Grossa (PR). Você tem opção de ajudar com uma pequena quantia todo mês no crédido recorrente ou, então, um valor para o plano semestral com desconto e opção de parcelamento ou boleto bancário em cota única!