Matheus Costa afirma que o objetivo com o OFEC é subir para a Série A

Treinador vê condições da equipe se reerguer e brigar pelo acesso

Matheus Costa afirma que o objetivo com o OFEC é subir para a Série A

Matheus Costa, novo técnico do Operário em coletiva de apresentação - Foto: José Tramontin/OFEC

PublicidadeNEC

O Operário Ferroviário apresentou oficialmente na manhã desta quinta-feira (22), em entrevista coletiva online o novo comandante da equipe, o técnico Matheus Costa. Ele substitui Gerson Gusmão, que deixou o cargo após 4 anos e 6 meses de trabalho.

Matheus assume a equipe em um momento turbulento, já que o Fantasma venceu apenas 2 dos últimos 11 jogos disputados, vem de duas derrotas seguidas e amanhã enfrenta a líder Chapecoense, fora de casa. Além disso, o treinador sofre com uma série desfalques para a partida, por conta da contaminação de oito jogadores pela covid-19. 

Apesar da situação complicada, Matheus acredita que o time tem condições de se reerguer e buscar o acesso à Série A do Campeonato Brasileiro. “Hoje vejo o Operário bem definido, é uma equipe que mostrou que tem condição de brigar pelo acesso. Estamos em desvantagem a outros clubes que também tem chances se analisarmos a classificação, mas temos que buscar vantagem jogo a jogo e brigar por isso”, afirma o técnico. 

O treinador ainda reforçou a qualidade do elenco que pode determinar a possível classificação. “Via e continuo vendo Operário brigando por este acesso pelo elenco que se criou. Não posso julgar o que aconteceu até aqui durante o desempenho dessa Série B, tenho que analisar o dia após dia. Vejo um elenco com opções de variação, boas opções por posição, atletas com experiência, com dinâmica de jogo, com qualidade técnica e isso faz com que  a gente realmente acredite que clube possa chegar ao acesso”, completa. 

Matheus tem passagem como auxiliar técnico pelo Coritiba, treinou o Joinvile e comandou o Paraná Clube na campanha de 2017 da Série B, que levou a equipe à 1ª divisão. Neste ano ele treinou o Confiança, foi campeão estadual e acabou demitido no início da Série B. Atualmente estava na equipe do Paysandu, foi demitido após 4 partidas, com duas derrotas e dois empates na Série C. 

O Fantasma tem 22 pontos e está na 11ª colocação da tabela, exatamente cinco abaixo do G-4 e cinco acima da zona de rebaixamento. O técnico realiza nesta tarde o primeiro e único treino com a equipe antes da viajem para enfrentar a líder da competição, Chapecoense, amanhã (23), na Arena Condá, em Santa Catarina. A partida acontece às 21h30, horário de Brasília. 

Compartilhe essa notícia com seus amigos!